Os vídeos musicais dirigidos por Francis Lawrence
Clipes no Buteco Colunas Destaques

Os vídeos musicais dirigidos por Francis Lawrence

Hoje, Francis Lawrence é conhecido pela direção de três filmes da saga Jogos Vorazes e Eu sou a Lenda, mas antes de sua estreia cinematográfica, com Constantine, ele já trabalhava com videoclipes marcantes e continuou fazendo isso ao longo doas anos.

A seguir, listamos dez vídeos em que Lawrence conseguiu deixar a sua marca.

1) “Precious Illusions”, Alanis Morissette
Poucos clipes conseguem exprimir tão bem o sentido da música. No começo do vídeo, Alanis conhece um rapaz numa festa. Em seguida, a tela é dividida em dois e, enquanto o lado esquerdo mostra o desenvolvimento da relação na Idade Média, o lado direito esfrega na nossa cara o crescimento do relacionamento no século XXI. Fofo e simpático.

2) “Let’s get it Started”, Black Eyed Peas
Em 2004, o grupo The Black Eyed Peas estava bombando. Depois de alguns clipes significativos, chegou a hora de explorar toda a energia da música “Let’s get it Started”. A música animada combinou perfeitamente com a câmera girando na rua enquanto objetos (e um ovo) caem do céu sem nunca acertar os integrantes que dançam e cantam freneticamente. Pode não ser uma obra-prima, mas é visualmente muito bonito e dificilmente alguém não se rende à combinação do clipe com a música.

3)”I’m a slave 4 U”, Britney Spears
Depois de bancar a adolescente inocente em seu álbum de estreia e a estrela solitária no sucessor, Britney Spears lançou seu primeiro trabalho como garota sexy. A escolha da música não poderia ter sido melhor, I’m a slave 4 U é contagiante e sensual. Francis Lawrence abusou da imagem de cantora e fez com que surgisse um lado da garota que, até então, ninguém conhecia. O clima é de temperatura alta, muita dança e gente se esfregando.

4)”Sk8er boi”, Avril Lavigne
É verdade, nem todo mundo simpatiza com Avril Lavigne, mas é necessário reconhecer que seu álbum de estreia teve uma sequência de hits capaz de fazer até mesmo o adolescente mais turrão se deixar cantarolar alguns trechos. A música “Sk8er boi” conta a história de um improvável romance adolescente. Não foi transposto para o vídeo, mas este vendeu a imagem de garota skatista que Avril queria passar.

5)”What you waiting for?”, Gwen Stefani
Primeiro clipe da carreira solo de Gwen, “What You waiting for?” mostra a cantora em uma crise de falta de inspiração enquanto é pressionada para entrar em estúdio. Um coelho branco aparece e Gwen entra no mundo de Alice no país das maravilhas. É uma grande produção, com figurino perfeito e cenários encantadores. Existem três versões para o clipe, a maior delas tem mais de oito minutos.

6)”Get right”, Jennifer Lopez
O mundo do pop começou o ano de 2005 com J-Lo mostrando como interpretar oito personagens em um videoclipe, por pouco não sofremos uma overdose de Jennifer Lopez. “Get right” tem J-Lo como dançarina de boate, como moça tímida que vai pra balada, balconista e, principalmente, sua barriga chapada capaz de provocar inveja em muitas mulheres. Além disso, o clipe mostra muito bem a arquitetada coreografia.

7)”Run the world (girls)”, Beyoncé
Quase um hino para as feministas do século XXI, “Run the world (girls)” mostra Beyoncé liderando uma revolução. Tem coreografias de dar inveja, figurino dos sonhos e muito girl power e um cenário apocalíptico, com direito a animais nada dóceis e dançarinos de cair o queixo.

8)”Bad romance”, Lady Gaga
Gaga já não era uma anônima quando lançou “Bad romance”, mas foi com o clipe em que ela é sequestrada por modelos e vendida para a máfia que começou a fazer história. O figurino é de Alexander McQueen, a coreografia dá vontade de aprender a dançar de verdade. O clipe venceu nada menos que SETE CATEGORIAS do MTV Vídeo Music Awards 2010.

9)”Jaded”, Aerosmith
O estilo circense é recorrente no trabalho de Lawrence (ele dirigiu “Circus”, da Britney Spears, e o longa Água para elefantes) e em “Jaded” fica evidente o seu talento para trabalhar com esse segmento. O clipe com a adolescente Mila Kunis é de encher os olhos e conta a história de uma garota que não consegue sentir. Merece ser lembrado porque tem uma grande produção sem cair no exagero e na extravagância.

10)”Never be the same again”, Melanie C. feat. Lisa ‘Left Eye’ Lopes
Começo dos anos 2000, o futuro das Spice Girls era incerto e cada uma das integrantes aproveitava esse tempo para divulgar os álbuns de suas carreiras fora do grupo. Geri já havia dado as caras depois de deixar o grupo, Emma Bunton estava encantando o mundo ao lado do grupo Tin Tin Out no clipe de “What I am” e aí, o que a Sporty Spice fez? Engatou uma parceria com Lisa ‘Left Eye’ Lopes, do grupo TLC. A música é marcante e talvez tenha sido o maior sucesso de Melanie C. fora das Spice Girls. O clipe mostra as cantoras se exercitando ao som do pop com rap.

Graciela Paciência

Graciela Paciência nasceu e cresceu em São Paulo. Por muito tempo acreditou que seu futuro estivesse na direção de videoclipes, mas agora prefere gastar seu tempo livre no cinema, em frente à TV ou na companhia de um bom livro. Gosta de Stephen King, clássicos e cinema europeu. Suas metas de consumo estão (quase) sempre atrasadas, mas o importante é seguir em frente.