Trofeu "Peido na Farofa" | Cinema de Buteco
Críticas de filmes

Trofeu "Peido na Farofa"

Essa aqui eu retirei do site C7NEMA…

“O actor brasileiro Marco Ribeiro, que tem dado voz no Brasil às personagens protagonizadas por Sean Penn, recusou-se a dobrá-lo no filme “Milk”. O motivo prende-se com o facto de Sean Penn interpretar Harvey Milk, activista político, assassinado nos anos 70, e que se celebrizou na luta pelo reconhecimento dos direitos cívicos da comunidade gay, tornando-se o primeiro homossexual a ser eleito para um cargo político nos EUA – interpretação esta que valeu a Sean o seu segundo Oscar.

“Não me sentia à vontade para fazer o filme […] Não tive vontade porque tenho a voz envolvida com outras questões, assim como não faço determinados comerciais. Não tenho preconceito de nenhuma espécie, até porque preconceito vai contra os princípios do evangelho pregado por Jesus Cristo, evangelho este no qual creio e proclamo, que diz que não devemos julgar para não sermos julgados”, declarou ao jornal Folha de S. Paulo a voz oficial, no Brasil, de Tom Hanks, Jim Carrey e Robert Downey Jr. (em “Iron Man”).

É que Marco, além de actor, é também pastor evangélico, da Assembléia de Deus Kairos (RJ), não querendo misturar sua voz com a de um renomado activista gay.

Será que o pastor irá também recusar dobrar Jim Carrey na comédia gay “I Love You Phillip Morris“?”

O filme (do realizador Gus Van Sant) tem estado a ser exibido legendado nos cinemas brasileiros, esperando-se que alcance uma audiência maior quando for transmitida uma versão televisiva dobrada (em que a voz de Sean Penn será feita pelo actor Alexandre Moreno).”

Até onde vai a fé e começa a ignorância?

Tyler

Comentários

  1. Nossa, sem comentários! Agora, fica uma pergunta:

    Falar alguma palavra “imoral” pode, mas dublar um ativista homossexual não?!

    Ok!