Cinema por quem entende mais de mesa de bar

Presságio

2

Spoilers no texto.

- Advertisement -

O ator favorito do João parece que perdeu mesmo as estribeiras. Nicolas Cage já protagonizou diversos filmes excelentes, mas nos últimos anos tem feito caridade (ou pagando dívidas) para amigos e conhecidos em troca de filmes medíocres. A trama até que é digna de um bom filme, mas o diretor Alex Proyas (O Corvo) não deve ter se preocupado muito com os diálogos e carga emocional dos personagens. Não se pode esperar muito do Nicolas Cage, eu sei, mas o elenco de apoio bem que poderia ser melhorzinho. A atriz coadjuvante (que não sei o nome) chorando é mais feio que a atuação de Tobey Maguire em Homem Aranha 3. Sem falar nos dois atores mirins que… ah… deixa pra lá.

A história é a seguinte: uma menininha parente da “Carrie, A Estranha“, enterra um papel recheado de números. A professora acha que a menina estava doidona de ácido e ignora que aqueles poderiam ser os números da megasena. Passam-se 50 anos e o filho do Nicolas Cage recebe este papel. Por um momento ele cogita a possibilidade de jogar na loteria com os números, mas a lembrança de Hurley em Lost, o faz mudar de ideia. Seu pai, tremendo xereta, vê os números e descobre que eles correspondem a diversos acidentes que já aconteceram. E que existem outros três que estão prestes a acontecer. Legal, né?

Parecido com Guerra dos Mundos, Contatos Imediatos de Terceiro Grau e sei lá qual outro filme, Presságio chega aos cinemas numa época interessante. Já comentamos anteriormente sobre o novo filme de Roland Emmerich, o 2012 e pelos próximos três anos vamos ver/ouvir muita coisa até descobrir se os maias estavam certos ou errados (na verdade, só vamos ter tempo para confirmar isso se eles estiverem errados, óbvio!). Neste filme do Nicolas Cage, o planeta Terra tem como o Sol o seu algoz. Péssima forma de morrer e exterminar o planeta, diga-se de passagem.

Mas a grande tijolada no saco vem no final: os et’s levaram as inocentes (?) crianças para uma espécie de novo jardim do Eden? Fala sério, né? Super final pintura e poético. Não sei de onde acharam que seria legal. Não foi. Não mesmo.

Ficha Técnica:
Presságio (Knowing, 2008)
Dirigido: Alex Proyas
Roteiro: Alex Proyas e Stuart Hazeldine
Genêro: Ficção
Elenco: Nicolas Cage
Trailer:

(HAHAHAHAHHAHAHAHAA)