Cinema por quem entende mais de mesa de bar

Os 30 Melhores Filmes de Romance dos anos 2000

0

Direito de Amar

direito de amar melhores romances dos anos 2000
“O professor de inglês George Falconer (Colin Firth) é um homem solteiro. Está só desde que perdeu o companheiro que conhecera casualmente num bar em noite de chuva. Foi um acidente de carro que tiraria a vida não só do homem que amava, mas também a sua. Desde então acordar todas as manhãs tem sido uma triste constatação e até a visão mais simples de acontecimentos cotidianos lhe trazem memórias daquele amor vivido. Dos momentos prosaicos que se foram sem volta. E finalmente a certeza de que não vale a pena viver, não quando a vida não tem mais sentido, mais sabor. George Falconer decide então suicidar-se.

Em Direito de Amar acompanhamos as últimas horas da vida de um homem que decide interromper-se, ato arbitrário, mas legítimo.” (João Andrade)

- Advertisement -

Os Sonhadores

os sonhadores melhores filmes de romance dos anos 2000

“Michael Pitt, Eva Green e Louis Garrel. Quase ícones desta nova geração de “pseudo-cinéfilos” (não há álbum em Facebook cult que não tenha imagem do filme com os três na banheira…). Sem eles o filme não seria o mesmo. Nem tão chocante, nem tão marcante. Sua entrega total aos personagens, bem como sua coragem em vivê-los faz de Os Sonhadores o filme que é.” (João Andrade)

O Amor Não Tira Férias

O Amor Não Tira Férias - Melhores filmes de romance dos anos 2000

“Recheado de mensagens capazes de causar identificação rápida com o público, essa comédia romântica mostra os pontos positivos de forçar mudanças dentro de nós mesmos. Independente do quanto isso possa doer, às vezes é a única saída para superar um coração partido. Dificilmente um Jude Law ou uma Kate Winslet vai aparecer em nossas vidas no momento em que precisarmos, mas enquanto escolhermos permanecer parados esquentando e dando vida para nosso sofrimento, nunca teremos a chance de arriscar a conhecer o que o destino nos reserva. E para todos aqueles que se culpam por sempre se apaixonarem pelas pessoas erradas, eis um aperitivo:

– Por que eu sempre me sinto atraído por uma pessoa que sei que não é boa?
– Eu sei a resposta. Você deseja estar errado. Ela faz algo que te faz pensar que ela não é boa e você ignora. Aí toda vez que ela chega e faz algo bom e acaba te surpreendendo, ela reconquista você. Então você perde aquela discussão interna de que ela não é para você.”

Sr. e Sra. Smith

Sr e Sra Smith

Essa comédia romântica lembra bastante o divertido A Guerra dos Rose, com Michael Douglas e Kathleen Turner. A diferença é que a destruição no lar é causada por um casal de agentes secretos, que depois de anos vivendo um relacionamento de mentiras, recebem a missão de matar um ao outro. A confusão está armada e tudo  é apresentado como uma bela metáfora dos relacionamentos modernos.

Como se Fosse a Primeira Vez

Como se fosse a primeira vez

“Como Se Fosse a Primeira Vez tem um espírito tão família, tão gostoso, tão sessão da tarde que é impossível alguma coisa estragar esse clima. Isso vale inclusive para a presença de Adam Sandler no elenco. Além disso, existe uma química surreal entre o cabeça de ovo e a loirinha do ET.”

Secretária

filmes de romance dos anos 2000 - secretaria 2

Enquanto a maioria esmagadora consome 50 Tons de Cinza como uma bíblia de relações BDSM, um filme muito legal ainda passa batido. Secretária pode não ter nenhum nome extremamente sensual no seu elenco (embora James Spader e Maggie Gyllenhaal consigam excitar pelo fato de serem esquisitos), mas seu roteiro é muito mais convincente e melhor construído que o romance do chamado pornô da mamãe. E a melhor parte é que a nudez é natural e convence o público. Para todas as pessoas estranhas do mundo, esse é um filme obrigatório. 

Um Beijo a Mais

Um Beijo a Mais - Filmes de romance dos anos 2000

““Pare de falar de amor. Todo idiota no mundo diz que ama alguém. Isso não significa nada. O que você sente é apenas problema seu. É o que você faz para as pessoas que você diz amar que realmente importa.”

A trama gira em torno da amizade do protagonista com as pessoas com que viveu durante toda sua vida, como encaram decepções e a chegada das responsabilidades. Momentos em que escolhas devem ser tomadas e você se pergunta se essa vida que se tem nas mãos, é a mesma vida que você gostaria de ter. Se é realmente com esta pessoa que está ao seu lado que você quer viver para o resto da vida e os preços que pagamos por nossos erros e impulsos.

Johnny & June

filmes de romance dos anos 2000 - johnny e june

Com direção de James Mangold (Wolverine: Imortal), essa talvez uma das cinebiografias musicais mais bem sucedidas entre a crítica. Tanto Joaquin Phoenix quanto Reese Whiterspoon foram indicados ao Oscar, mas apenas ela voltou para casa com o careca dourado. A vida de Johnny Cash recebeu uma homenagem linda e que deu um gostinho para os cinéfilos sobre o legado de um dos maiores nomes da música norte-americana.

Três Vezes Amor

tres vezes amor romance dos anos 2000

O Ryan Reynolds é um desses atores fantásticos que nos surpreendem pela versatilidade. O cara se dá bem fazendo ação, terror, comédia e romance, como é o caso do delicioso Três Vezes Amor. Com direção de Adam Brooks, a trama gira em torno de um homem que tenta explicar para a filha sobre suas relações amorosas do passado.

Hora de Voltar

filmes de romance dos anos 2000 - hora de voltar

Natalie Portman aparece em Garden State quase que como uma participação especial e sua personagem é a alma desse belo longa escrito, estrelado e dirigido por Zach Braff. Garden State conta a história de um cara solitário que retorna para a sua cidade depois da morte da mãe e precisa confrontar seus velhos traumas familiares, como a relação conturbada com o pai.