Resenha: Antes da Queda – Noah Hawley

resenha antes da queda

Estava eu passeando pelo shopping em Belo Horizonte e me deparei com Antes da Queda, um livro de um sujeito chamado Noah Hawley. “De onde eu conheço esse nome?”, pensei antes de pegar o livro para descobrir a resposta. É o nome do cara responsável por Fargo, uma das melhores séries da televisão e que você pode conferir os reviews semanalmente aqui.

Garanti o meu exemplar na hora. Sou o que especialistas chamam de comprador compulsivo. É um tipo de doença, dizem. Eu prefiro dizer que é um investimento no meu cérebro. Sugiro usar essa desculpa quando alguém começar a querer dizer que você gasta dinheiro demais com cultura. Isso não vale, óbvio, para quem gasta mais de R$ 700 para uma festa open bar apenas porque é cool ou os colegas da faculdade vão ou porque vai ter o cara mais famoso da última semana tocando. Isso é burrice mesmo.

Resenha Antes da Queda

O romance conta a história de um homem e uma criança que são os únicos sobreviventes de um estranho acidente. A narrativa apresenta detalhes da vida de cada uma das 11 pessoas presentes dentro do jatinho particular que caiu no meio do mar. Aos poucos vamos descobrindo detalhes de suas vidas e o que faziam na véspera da tragédia, enquanto paralelamente acompanhamos com atenção a história de Scott Burroughs, o homem que sobreviveu e salvou a vida do pequeno JJ nadando por quilômetros.

Hawley é eficiente na construção da narrativa. Alternando entre eventos que detalham a rotina das vítimas horas antes do acidente e a cobertura intensa da imprensa sedenta por descobrir a verdade, ele envolve o leitor com facilidade. Seu texto é extremamente visual e dá para imaginar fácil como seria uma adaptação para cinema ou televisão da obra. O senso de humor frio característico de Fargo está presente nos traços de seus personagens e às coincidências que conectam a trama.

Desde já, e levando em consideração que ainda não li obras o suficiente, Antes da Queda é o meu voto para figurar na lista de fim de ano dos melhores livros de 2017. Veja aqui quais foram os escolhidos em 2016!

capa resenha antes da queda

Tullio Dias

Dizem que sou legal, mas eles estão mentindo só para me agradar. Gosto de Molejo, acho Era Uma Vez no Oeste uma obra-prima, prefiro baixo de quatro cordas do que os de cinco, tenho um MBA de MKT Digital e um curso de Publicidade, não tenho filhos, não tenho um coração, mas me derreto por caipirinhas.