Cinema por quem entende mais de mesa de bar

A Fantástica Fábrica de Chocolate

E cá estou eu escrevendo sobre o meu filme!! HAHAHAHAHHA! Brincadeiras a parte, considero A Fantástica Fábrica de Chocolate um dos filmes mais não Tim Burton que o diretor fez. Bom, pra começar, não tem aquela atmosfera sombria e não tem como cores base o preto e cinza! Mas isso não significa que seja um mal filme! Longe disso! O filme é tão excêntrico e bom como seu diretor e atores! Well, vamos em frente!

A história do filme creio eu que todo mundo conheça bem: remake (com sutis alterações para melhor) do clássico de 1971, a Fábrica mais famosa do mundo decide abrir suas portas para 5 sortudos que acharem os cupons dourados em uma das milhares de barras Wonka. E ganham o gordo (pq era óbvio que o primeiro seria o gordinho), a rica (tb previsível), a competidora, o viciado em videogame (que no original é viciado em TV), e o pobre humilde (pq tem que ter um pobre humilde pra dar lição de moral). Baseado no livro (que quero ler) de Roald Dahl, o filme narra a aventura dessas 5 crianças dentro dessa fantástica fábrica, guiados pelo não menos curioso Willy Wonka (Gene Wilder no primeiro e muito bem interpretado também por Johny Depp no segundo) e seus milhares de ajudantes Oompa-Loompas. Como disse antes, o filme é bem similar ao seu original, com algumas mudanças aqui e ali. Apesar das músicas do primeiro filme grudarem de tal forma ao ponto de assustar (além de terem usado trocentos anões de verdade), na versão Burton, o pessoal do soundtrack caprichou pois as músicas são tão divertidas como as cenas que as acompanham! BTW, o antigo chegou a concorrer ao Oscar de Soundtrack! Seguindo, teve o acréscimo de personagem que eu achei genial, que foi o pai do Wonka (Christopher Lee como sempre sensacional). Isso de certa forma explica muita coisa sobre o personagem e deu todo um final mais feliz que o original!


O filme é bem excêntrico, assim como Depp e Burton. Acho que é o filme com mais cores que ele fez (será que Alice ai desbancar?)! Mesmo assim, ainda dá pra ver os traços do diretor na película! E não digo do elenco bastante conhecido de outros filmes do diretor, mas detalhes que só o Burton consegue emplacar, desde o sutil humor seco até os personagens mais loucos que a versão original! Afinal, aonde mais num filme para crianças teria a fala mais TENSA do Willy Wonka para as crianças: “Tudo na fábrica é comestível, até EU sou comestível! Claro que vocês não farão isso pois seria canibalismo!”. Os efeitos especiais foram usados demais, mas ainda assim na medida. Apesar de não parecer um filme típico do Burton, vale a pena assistir! Altamente recomendado rating 4 1/2 caipirinhas!

- Advertisement -

FICHA TÉCNICA

Nome Original: Charlie And The Chocolate Factory
Direção: Tim Burton
Produção: Brad Grey
Richard D. Zanuck
Roteiro: John August
Elenco: Johnny Depp
Freddie Highmore
David Kelly
Helena Bonham Carter
Noah Taylor
Missi Pyle
James Fox
Deep Roy
Christopher Lee
Lançamento: Julho de 2005
Duração:115min

Comentários