Cinema por quem entende mais de mesa de bar

Sex and the City

de Michael Patrick King. Com: Sarah Jessica Parker, Cynthia Nixon, Kim Cattrall, Kristin Davis, Jennifer Hudson, Chris Noth, David Eigenberg.

Eu não sou um fã da série Sex and the City, exibida de 1999 à 2005. Sinceramente nunca cheguei a acompanhá-la, mas diante de um convite irrecusável de uma amiga, resolvi assistir ao filme, que, após dois anos de espera por parte dos fãs, chega às telas. O resultado é muito bom!


Logo na cena inicial do filme, somos apresentados a um flashback bem oportuno para aqueles que não conhecem a história de Carrie (Sarah Jessica Parker), Charlotte (Kristin Davis), Miranda (Cynthia Nixon) e Samantha (Kim Cattrall), amigas que se conheceram ao chegar em Nova Yorque, e que, mesmo com suas personalidades bem diferentes, contruíram uma amizade que resistiu ao tempo e a vida que cada uma levou desde o fim da série de TV.

A todo momento espetacularmente bem vestidas, cada uma está passando por um momento complicado em sua vida. O problema é que nem sempre agem de maneira muito madura frente a eles. O que parece é que o diretor e roteirista Michael Patrick King se preocupa mais em criar situações engraçadas (que realemente funcionam) do que propriamente falar da tal mulher moderna, que pensa em se afirmar sendo madura, e dona de si e de suas decisões… O fato de Carrie decidir se casar pra não ficar sozinha, pra ter mais segurança: não tem muita coerência com o ideal de indepent woman defendido pela série, não é mesmo?

Mas isso não é nenhum demérito para o filme. Quando quesito é diversão, Sex and the City, acerta bastante, principalmente nas cenas com Samantha (quando ela ganha o anel do namorado, por exemplo, é muito engraçado). É meio comparável a O Diabo veste Prada, de 2006, sendo que Diabo… é bem superior. Mas vale a pena para os fãs da série.

 

Sem comentários
  1. 2T Diz

    mês tá fraco aqui
    tá na hora de bombar essa bagaça.

    não vi o filme ainda. provavelmente vai sair de cartaz antes que possa ir assistir. estou concentrado no FIM DOS TEMPOS e no HULK… E não vi INDY 4 ainda…blé

  2. Mr. Thomson Diz

    fútil, engraçadinho e ALTAMENTE previsivél. (nem precisa assistir ele inteiro pra saber oq vai acontecer.)

  3. 2T Diz

    não curti muito tb

  4. João Diz

    nessa época ainda não sabia falar de um filme quando não gostava tanto. agora eu aprendi. rs

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.