Cinema por quem entende mais de mesa de bar

Melhores filmes de suspense de 2019 – TOP 10

Melhores filmes de suspense de 2019 estão disponíveis logo abaixo. Apreciem sem moderação!

NOSSA SELEÇÃO DE SUSPENSE EM 2019 FICOU UM POUCO DIFERENTE DO NORMAL… Muitos thrillers policiais acabaram reservando um lugar no ranking final. E como não teremos uma lista de faroeste em 2019, achei por bem incluir Bacurau aqui mesmo. Pensei em criar uma categoria chamada Bacurau e repetir a obra 11x, mas melhor não.

Espero que se divirtam com o nosso ranking de suspense e deixem os comentários dizendo o que acharam do resultado final!

- Advertisement -

Leia também para relembrar como foram nossas outras listas de melhores filmes de suspense:

Melhores filmes de suspense de 2018
– Melhores filmes de Suspense em 2017
– Melhores filmes de Suspense em 2016
– Melhores filmes de Suspense em 2015
Melhores filmes de Suspense em 2014
– Melhores filmes de Suspense em 2013

Menções honrosas:

melhores filmes de suspense 2019 climax

Climax (Gaspar Nóe, 2018) Não tem nada que se compare a Clímax, e isso é graças ao diretor Gaspar Noé, que é um grande cinéfilo e usa seu conhecimento para mudar as regras do cinema. Aqui ele faz seu filme de dança, que é também um terror pesado. As sequências coreografadas de danças são melhores do que qualquer outro filme de dança que você já viu.

A trilha sonora é non-stop e sensacional, vai de Giorgio Moroder a Daft Punk, uma homenagem a Disco e também ao French Touch. Benoît Debie é um dos melhores diretores de fotografia da atualidade, e faz mais um trabalho impecável aqui. Clímax é o melhor filme do Gaspar Noé. (Marcelo Palermo)   

Recomendado para quem gosta de: Filmes com danças; Coisas perturbadoras, filmes mind fuck para te fazer cagar tijolos, Gaspar Nóe;MELHORES FILMES DE SUSPENSE DE 2019 - GRETA

Obsessão (Greta, Neil Jordan, 2018) Neil Jordan é um diretor que conquistou meu respeito e carinho por Entrevista com o Vampiro, ainda que sua carreira não tenha sido lá muito interessante se tratando de outros títulos de sucesso. No entanto, verdade é que Obsessão tem em Isabelle Huppert seu principal trunfo, numa narrativa sobre uma jovem que começa a ser perseguida por uma “tia” carente e com tendências psicopatas. Longe de ser genial, mas eficiente na arte de entreter, o longa-metragem é uma boa dica para fãs de bons suspenses.

Recomendado para quem gosta de: Filmes sobre maníacos stalkers; filmes sobre gente carente; psicopatas; Neil Jordan

melhores filmes de suspense de 2019 - piercing

Piercing (Nicolas Pesce, 2018) Quase que entra na nossa lista de melhores filmes de romance (porque gosto de histórias de amor hardcore e que vão muito além do BDSM), mas acaba que Piercing tem seu lugar entre os principais filmes de suspense de 2019. Um pai de família sai de casa, dá checkin num hotel, chama uma acompanhante e tem como plano cometer um assassinato. Mas acaba que ele se conecta com a garota, que assim como ele, tem umas ideias meio loucas. A conexão entre os dois cria uma das narrativas mais fucked up do cinema no ano.

Recomendado para quem gosta de: Filmes sobre relacionamentos bizarros

ted bundy filme

Ted Bundy: A Irresistível Face do Mal (Extremely Wicked, Shockingly Evil and Vile, Joe Berlinger, 2019) Contando com um bom roteiro muito bem executado que mostra a história a partir do ponto de vista de Liz Kendall, esposa de Ted Bundy que escreveu o livro que deu origem ao filme, Irresistível Face do Mal mostra como era a vida doméstica do serial killer e como conseguia usar seu carisma para influenciar e manipular as pessoas ao seu redor.

Muitas pessoas não vão gostar, pois vão dizer que não viram os crimes na tela ou que houve tentativa de romantização da vida dele. Não foi nada disso, é uma história construída a partir de quem é essa pessoa na sociedade. Nós vivemos com tantas pessoas e não sabemos quem é quem ou do que o ser humano é capaz. (Letícia Alves)

Recomendado para quem gosta de: Filmes sobre serial killers, Filmes baseados em histórias reais; Zac Efron

melhores filmes de suspense de 2019 - a mula

A Mula (The Mule, Clint Eastwood, 2018) Não é preciso dizer muito sobre Clint Eastwood. Seus 88 anos, sendo quase 60 dedicados ao Cinema, falam por si só. Talvez por isso, o mais novo longa do eterno “cowboy sem nome” dos faroestes de Sérgio Leone não revele nada muito novo. O que não significa que A Mula (The Mule, 2018) seja piegas ou ruim.

Não há nada de muito diferente que já foi visto nos filmes eastwoodianos. Temos um veterano de guerra com problemas familiares que encontra o jeito mais difícil possível para se reaproximar da família. Dessa vez, Clint (de Curvas da Vida, 2012) é Earl Stone, um outrora respeitado criador de lírios. Sua vida se resumia ao trabalho, tanto que sua família ficava para escanteio em momentos importantes, sobretudo os de sua filha Iris (Alison Eastwood, sim, também filha na vida real).

A Mula é um bom filme e percebemos todas as marcas do diretor lá. Mais do que isso, é eficiente. Eastwood assegura uma história interessante, com atuações seguras. Não chega a surpreender, mas o diretor entrega um produto que você facilmente identifica como dele e sai satisfeito do cinema. Até tocado, por talvez ser a última atuação dessa lenda viva que é Clint Eastwood. (Kael Ladislau, do blog O Pipoqueiro)

Recomendado para quem gosta de: Filmes sobre tráfico de drogas; Filmes baseados em história real

Veja na próxima página quais foram os 10 melhores filmes de suspense de 2019: