Review: The Walking Dead s06e10 – “The Next World”

Review the walking dead the next world
Mais marcante que os “walkers” de The Walking Dead é a capacidade da série em oscilar entre episódios insanos com outros medíocres. Não que “The Next World” seja ruim, mas depois de toda a intensidade do capítulo anterior, acho que o normal seria ter uma boa história de ação para dar continuidade aos eventos.

O ep 10 da sexta temporada pode ser considerado como um filler (aqueles episódios feitos apenas para encher linguiça e/ou preparar a narrativa para algo importante). Agora que Jesus (finalmente) está entre nós, temos um motivo a mais para aguardar ansiosamente pelo que virá ao longo dessa temporada.

“The Next World” é focado quase que completamente nas “aventuras” de Daryl e Rick procurando mantimentos para Alexandria e conhecendo essa estranha figura chamada Jesus. Existe muito de humor na interação entre os personagens, que são feitos de gato e sapato por Jesus, que demonstra ter habilidades dignas de enfrentar (e vencer) Morgan.

Por outro lado, Michone e Spencer estão juntos andando pela floresta até encontrarem um walker que merece cuidados especiais. Gosto da maneira como o arco de histórias de Spencer e sua família se encerra aqui e ganha um novo começo. Fiquei feliz pela série não criar um enorme mistério sobre a identidade do tal “walker” que aparece e encerrar essa história no próprio episódio. Certamente foi um momento importante para Carlinhos ter a oportunidade de declarar seu amor por Michone e deixar os telespectadores ligados no que ainda pode vir a acontecer nessa temporada.

A grande surpresa de “The Next World” é a conclusão inesperada com um envolvimento que muitos torciam, mas ninguém esperava mesmo que pudesse acontecer. As expressões nos rostos dos personagens deixa isso bem claro, ao mesmo tempo que deixam o beijo rolar com extrema naturalidade. É como se fosse óbvio o tempo inteiro e eles demoraram todo esse tempo para perceber. Quem nunca passou por isso, não é mesmo? Ter a pessoa perfeita ali do seu lado e preferir investir em passatempos… De vez em quando alguém tem a sorte de perceber isso a tempo e, caso a vida não cuide de estragar isso no futuro, existe a grande chance de ter achado a pessoa certa para dividir a vida.

Oh, boy.

Em resumo: “The Next World” é um divertido episódio que seria bem vindo em qualquer oportunidade, mas não agora. Existe uma passagem de tempo não especificada e a situação é de calmaria mesmo, porém os telespectadores ainda precisavam de um episódio para frear lentamente, e não bruscamente, como é o caso.

Semana que vem tem mais.

Tullio Dias

Dizem que sou legal, mas eles estão mentindo só para me agradar. Gosto de Molejo, acho Era Uma Vez no Oeste uma obra-prima, prefiro baixo de quatro cordas do que os de cinco, tenho um MBA de MKT Digital e um curso de Publicidade, não tenho filhos, não tenho um coração, mas me derreto por caipirinhas.