A Múmia: A Tumba do Imperador Dragão

A Múmia foi uma das maiores supresas de 1999, ano em que Star Wars – Episode 1: The Phantom Menace era o filme mais esperado pelos fãs de cinema do mundo inteiro. A produção arrecadou cerca de US$ 415,933,406 e teve uma continuação, lançada dois anos depois. A segunda parte já não tinha o “elemento-surpresa” da primeira aventura, mas repetiu a dose de ação, humor e carisma dos personagens.

Brendan Fraser ficou consagrado como o arqueologista Ricky, que além de ter que dar conta da fúria da Múmia, ainda conseguiu tempo para conquistar o coração da bela Rachel Weisz. Ficou evidente no segundo filme, que o público alvo era a molecada e criaram um “filho” para os personagens e mais piadinhas. Se trata de um daqueles filmes para crianças, mas que os adultos não conseguem resistir.

Esse ano foi a vez da terceira parte. Céus. Não sei por que os estúdios americanos insistem nas fórmulas que deram certo até conseguir tirar o último centavo de rentabilidade dela. Provavelmente, foi o que deve ter acontecido com o “mais ou menos” fraco, “A Tumba do Imperador Dragão”. Inexplicavelmente, o tempo voou (exceto para Brendan Fraser) e o seu filho que há 7 anos atrás tinha 10 anos, está com cara/corpo de 25… E a ausência impactante de Rachel Weisz. Se o filme erra em muitos pontos, em não ter a atriz, é que mora a maior “cagada” da Universal em ter produzido o longa. Ela é essencial na história e foi substituída por uma atriz sem tanta expressão. Uma pena.

Para tentar suprir essa falta grave, chamaram Jet Li e Michelle Yeoh para completar o elenco. Acabam salvando a pátria e indicando que o melhor caminho para a trupe O’Connel é um sarcófago… Com honras ainda! Mas não deixa de ser uma grande diversão para a sessão da tarde… com muita pipoca e suco!

Ficha Técnica:
A Múmia 3: A Tumba do Imperador Dragão (2008)
Dirigido: Rob Cohen
Roteiro: Alfred Gouch, Stephen Sommers
Genêro: Comédia , Ação , Fantasia
Elenco: Brendan Fraser, Jet Li, Michelle Yeoh, Maria Bello, Luke Ford
Trailer

Tullio Dias

Dizem que sou legal, mas eles estão mentindo só para me agradar. Gosto de Molejo, acho Era Uma Vez no Oeste uma obra-prima, prefiro baixo de quatro cordas do que os de cinco, tenho um MBA de MKT Digital e um curso de Publicidade, não tenho filhos, não tenho um coração, mas me derreto por caipirinhas.