Dúvida | Cinema de Buteco
Drama

Dúvida

doubt Dúvida

É sempre estranho ver um filme baseado numa obra teatral. Lembro daquele filme da Nicole Kidman, o tal do Dogville. Provavelmente um dos filmes mais non-sense que eu já vi, mas nem por isso significa que seja ruim. Só é estranho. O filme Dúvida segue o mesmo padrão, exceto que possui cenários e os personagens não ficam transando no fundo da tela. Quer dizer, se trata de um filme sobre a polêmica relação padre/coroinha. Nunca se sabe o que realmente acontece no confessionário, mas… deixa quieto.

Com atuações incríveis (se não fosse pelas presenças inspiradas do elenco liderado por Meryl Streep, o filme seria um completo marasmo), um dos grandes destaques do filme são as longas conversas (tensas) sem nenhuma trilha sonora. Na única cena que aparece, Viola Davis tem um duelo verbal fodástico com a freira interpretada por Meryl Streep. Talvez a sua indicação ao Oscar tenha sido meio forçada, mas assim que funciona a Academia. A bela Amy Adams (paixão do João) é uma jovem freira que se recusa a acreditar nas acusações de sua superior e acha que tudo não passou de um mal-entendido. Agora, Philip Seymor Hoffman é o tal padre com a suposta fama de aliciador de menores.

Já está meio claro o que quer dizer o dúvida do nome do filme, mas se você ainda não entendeu, vou tentar explicar. A história se passa dentro de um convento e a freira vivida por Meryl Streep se recusa a deixar a Igreja evoluir. Ela cultiva os velhos (e ultrapassados) hábitos e quando o padre (Hoffman) começa a chamar a atenção pela sua atitude mais amigável, ela passa a ter dúvidas sobre o relacionamento dele com os coroinhas. A obra é baseada numa peça de John Patrick Shanley, que também dirigiu o filme.

Recomendo, mas assista com bastante paciência. É um filme lento e arrastado… como falei, são as atuações que salvam a história toda.

Ficha Técnica:
Dúvida (Doubt, 2008)
Dirigido: John Patrick Shanley
Roteiro: John Patrick Shanley
Genêro: Drama
Elenco: Phillip Seymor Hoffman, Meryl Streep , Amy Adams, Viola Davis
Trailer

Tullio Dias

Dizem que sou legal, mas eles estão mentindo só para me agradar. Gosto de Molejo, acho Era Uma Vez no Oeste uma obra-prima, prefiro baixo de quatro cordas do que os de cinco, tenho um MBA de MKT Digital e um curso de Publicidade, não tenho filhos, não tenho um coração, mas me derreto por caipirinhas.

Comentários

  1. o procurado / duquesa / rio congelado / o casamento de rachel / hell boy2 / super bolt / e os outros candidatos a filme estrangeiro!

    hahahahahahahahahahahhahahaa
    daqui alguns dias, posts sobre esses filmes aqui. hahahahahahaha