Cinema por quem entende mais de mesa de bar

Julie e Julia

Sabem aqueles filmes que parecem ser chatinhos e acabam sendo extremamente divertidos e que te fazem viajar por duas horinhas e esquecer dos problemas? Julie e Julia consegue ser um desses exemplos. Além das atuações brilhantes de Meryl Streep e Stanley Tucci, a adaptação do livro mostra um filme com doses perfeitas de humor, sensibilidade e romance. Impossível não ser cativado, principalmente quando temos uma Meryl Streep tão inspirada.

Depois de assistir ao vídeo acima, tenho a convicção de Meryl Streep é realmente top 5 de melhores atrizes do cinema atual. Não é a toa que ela coleciona 15 indicações ao prêmio de melhor atriz no Oscar. Apesar de Streep só ter vencido em duas ocasiões, é quase certo que se for indicada por seu papel em Julie e Julia, ela irá conseguir levar sua terceira estatueta para casa. Sua atuação como a “Ofélia gringa” é incrível. Principalmente pelo motivo da atriz ter menos de 1,70m e representar uma gigante estabanada de quase dois metros. Meryl Streep dá um show e torna Julie e Julia ainda mais gostoso.

- Advertisement -

Depois de conferir um roedor mestre Cuca em Ratatouille e um cabra macho em Estômago, o cinema da gastronomia retorna com a adaptação da história do blog terapeutico que virou livro, que por sua vez era inspirado em um clássico livro de receitas. Julie Powell (Amy Adams) é uma funcionária pública que tem um emprego horrível na parte de seguro às vítimas do 11/9 e decide criar um blog onde se comprometia a cozinhar mais de 500 receitas diferentes contidas em um famoso livro de culinária. A diretora Nora Ephron resolveu inserir na adaptação um pouco da história de Julia Child, autora do livro de receitas que a personagem de Amy Adams resolve homenagear. Sempre companhada de seu marido (Stanley Tucci em uma atuação foderosa), Julia surge como uma esposa cujo único prazer é comer e que resolve enveredar por um conceituado curso de gastronomia. Devido ao talento, Julia logo conhece outras chefs e acaba ganhando fama com um livro de receitas.

Nora Ephron quase conseguiu realizar um filme romântico sem esbarrar nos clichês do gênero. Não fosse pela briga entre Julie e seu marido, a trama passaria batida e sem nenhum conflito chato entre casais. Reconheço que na vida real brigas realmente acontecem, mas existem aqueles casos em que o amor e o respeito são bem maiores que os conflitos. Os personagens de Meryl Streep e Stanley Tucci conseguem demonstrar isso quase que perfeitamente e Ephron não gastou tempo com tentativas de aprofundar mais aqueles momentos em que ambos são obrigados a ceder um pouquinho. O resultado premia o espectador com uma bela história de amor e dedicação. E nada piegas.

Ficha Técnica:
Julie e Julia
( 2009)
Dirigido:
Nora Ephron
Roteiro: Nora Ephron
Genêro: Drama/Romance
Elenco:
Meryl Streep , Amy Adams
Trailer

Comentários