Pânico 2

Em determinada cena da continuação do excelente Pânico, os jovens personagens discutem sobre a qualidade das sequências de certos filmes. A maioria concorda que, excluindo O Império Contra-Ataca, Exterminador do Futuro 2 e o Poderoso Chefão 2, todas as sequências eram inferiores. Pânico 2 não foge da regra e é apenas mais um filme de terror norte-americano. O trio de atores volta e ganha o reforço de Liev Schreiber (que no filme anterior só apareceu em uma cena) como o inocente suspeito de ter matado a mãe de Sidney (Neve Campbell) em eventos mostrados antes do filme original. Courteney Cox é novamente a reporter Gale Wheaters e David Arquette retoma o atrapalhado Dewey.

Como normalmente acontece na franquia, e aqui deixo as minhas suspeitas de que Pânico 4 vai começar mostrando a morte de algum desses três nomes acima, o filme começa com as mortes mais elaboradas e depois cai na mesmice imbecil que todo mundo está cansado de assistir em filmes parecidos. Jada Pinkett Smith interpreta a vítima da vez, uma estudante que só queria ver o filme novo da Julia Roberts e acaba sendo convencida pelo namorado a assistirem a pré-estreia de A Punhalada. Sim, Pânico 2 tenta empregar um pouco do recurso de metalinguagem quando cria um filme dentro do filme. Felizmente isso não é explorado e os personagens “reais” podem morrer em paz nas mãos da nova dupla de assassinos (Pânico é fiel às próprias regras). Logo depois da morte da estudante, Sidney (Campbell) descobre que está tudo acontecendo novamente e ela nem mesmo sabe se pode superar seus traumas e confiar no novo namorado.

Pânico 2 tenta ser melhor que o original, mas não consegue. Seu único mérito é evitar momentos desnecessários com o assassino e ter um pouco mais de cuidado com o roteiro e seus diálogos, que ainda assim são extremamente voltados para o público adolescente. O desfecho conta com uma surpreendente revelação e deixa o caminho aberto para a terceira parte da trilogia.

São 2 caipirinhas no Buteco.

  • Rafael W.

    Também acho inferior ao primeiro, mas ainda é um ótimo filme. Adoro toda a trilogia, e estou roendo as unas pelo 4° filme!

    http://cinelupinha.blogspot.com/

  • Anonymous

    Outra seqüência que faz jus ao primeiro: Aliens – O Resgate!

  • Lucas Paio

    Outra seqüência que faz jus ao primeiro: Aliens – O Resgate!

  • Lucas Paio

    (O comentário Anônimo é meu, maldito blogger que deu pau.)

  • 2T

    Verdade…
    Faltou o Alien… ah, tem alguns bons exemplos. Pena que se tratando de terror, isso é raro… (mentira. UMA NOITE ALUCINANTE 2 é o melhor de todos, mas trata-se de um remake do primeiro… logo…)

  • Marcelo Doni

    Não gostei dos personagens escolhidos para serem os assassinos

Tullio Dias

Dizem que sou legal, mas eles estão mentindo só para me agradar. Gosto de Molejo, acho Era Uma Vez no Oeste uma obra-prima, prefiro baixo de quatro cordas do que os de cinco, tenho um MBA de MKT Digital e um curso de Publicidade, não tenho filhos, não tenho um coração, mas me derreto por caipirinhas.