Directors That Rock!

PREPAREM AS TACHINHAS, TIREM AS JAQUETAS de couro do armário e coloquem a pipoca no microondas!

Todo mundo sabe que o mundo do cinema e o mundo da música andam juntinhos. Mas o que alguns não sabem é que muitas vezes eles viram um só. Não só nos filmes musicais, nas óperas-rock ou nos filmes biografia de músicos/bandas. Alguns diretores de cinema como Sofia Coppola, Michel Gondry e Spike Jonze passeiam muito mais na música do que se imagina! O Gondry inclusive já tocou até bateria numa banda!

O Gondry (ésse dois coraçãozinho) apareceu mais na tela da MTV do que nas telas do cinema, por exemplo. O Spike Jonze também. E ambos fizeram filmes emblemáticos, como Brilho Eterno de Uma Mente Sem Lembranças e Quero Ser John Malkovich (respectivamente). Já a Sofia Coppola é cineasta/groupie mór do rock (mais até que a Kate “Quase Famosos” Hudson que recentemente deu a luz ao filho do nosso querido Matt Bellamy)! Além de seus filmes terem as trilhas sonoras recheadas de clássicos e pérolas do Rock’n’roll, e dela ser casada com o vocalista da banda Phoenix, ela dirigiu alguns clipes também! Pena que nenhum foi do Strokes (risos).

Pelo menos um desses três habita o coraçãozinho dos membros do Buteco. E certamente nenhum deles passou despercebido por você que está lendo esse post. Ou vai dizer que você não viu Brilho Eterno ou O Besouro Verde nem o clipe de I Just Don’t Know What to Do with Myself do The White Stripes, com a linda e loira Kate Moss (que também abriu o armário groupie dela e casou com o Jamie Hince do The Kills)? Nunca assistiu Onde Vivem os Montros ou o clipe de Everlong do Foo Fighters? Nem o clipe de Buddy Holly do Weezer ou o filme Maria Antonieta? Fala sério então! Vamos resolver isso agora!

Pega a pipoca do micro-ondas, se acomoda na cadeira aí e assiste:

The White Stripes – I Just Don’t Know What To Do With Myself (por Sofia Coppola)

Weezer – Buddy Holly (por Spike Jonze)

Foo Fighters – Everlong (por Michel Gondry)

Lembra de mais algum cineasta que passeia pela música? Conta pra gente (Y)

  • Wendel Wonka

    Everlong <3

  • Sel

    Clipes por diretores eu num lembro, mas diretores dando uma verve "clipesca" aos seus filmes…

    Baz Lurhmann e seu lindo Moulin Rouge com Mashups fodásticos e escolhas musicais acertadíssimas.

    Anton Corbjin tem feito uns filmes menores, mas notório mesmo é seu eterno affair com o U2 (ou Bono Vox…), Nirvana, Depeche Mode e e mais recentemente, o Viva la Vida, do Coldplay.

    E vou parar por aqui porque deveria estar dormindo há horas, mas o texto acertadíssimo do CdB me trouxe da terra de Morpheu.

    Aliás, Gondry e Brilho Eterno são, eternamente, esse dois esse dois ^^

  • Tainã Senna

    Puts.. ótimoo posttt!

  • Ju Lugarinho

    Sel, Moulin Rouge pra mim é revolucionário! Hahahaha!

    A idéia do filme é ótima, e muita gente só conheceu aquelas músicas pq apareceram no filme! Não vou citar nomes não, mas é daqui! Hahahaha!

  • 2T

    Lindo, lindo.

Ju Lugarinho

Ju Lugarinho é aspirante a psicóloga e amante…: da fotografia, do cinema, da música e, principalmente, dos bons chocolate. Adora todo babado e confusão, e suporta muito bem as criancinhas.
Parte da elite carioca do Cinema de Buteco, só funciona sob pressão, e no Buteco escreve sobre aqueles filmes que todos amam, ou odeiam, tanto faz.