Festim Diabólico

OS PLANOS-SEQUÊNCIA PODEM, hoje em dia, parecer banalizados. Talvez seja pela aparente facilidade de serem produzidos. Mas quando imaginamos um filme inteiro em plano-sequência, mas produzido em 1948, a coisa muda de figura. É assim com Festim Diabólico, um dos filmes em que Alfred Hitchcock, o mestre do suspense, experimentou bastante.

Brandon e Philip são dois estudantes que decidem fazer uma experiência: cometer o crime perfeito. Para isso, atraem o colega David para o apartamento que dividem e o matam. O corpo é escondido um baú no meio da sala onde, momentos depois, tem início um jantar festivo com vários convidados. Entre eles está Rupert Cadell (James Stewart, de Um corpo que cai), professor dos três estudantes. Brandon e Philip tentam se mostrar inteligentes e superiores para o professor durante toda a duração do jantar.

- Advertisement -

Festim Diabólico é um filme curto, com 80 minutos, mas é eletrizante do começo ao fim. A ação acontece em tempo real, das 19h30 às 21h15, tendo como cenário único o apartamento de Brandon e Philip. E Hitchcock planejou a produção para que a ação se desse sem cortes aparentes. Cada rolo de filme termina com a passagem de algum personagem em frente à câmera, e a próxima tomada começa exatamente no mesmo lugar. O cenário, os móveis, a iluminação, a Nova York que se vê pela janela do apartamento foram cuidadosamente calculados para permitir que a ação se desse sem cortes. No livro Hitckcock-Truffaut, o diretor inglês fala os truques que permitiram que a câmera passasse pelo cenário e atingisse cada ponto determinado no momento preciso. Por exemplo, a Nova York vista da janela era em formato circular e de tamanho três vezes maior que o apartamento.

Os direitos do filme foram readquiridos por Hitchcock junto com mais quatro obras, que ficaram bastante tempo sem serem exibidas. Festim Diabólico foi relançado em 1984 e contribuiu para mostrar que Hitch foi, mesmo, um grande diretor.

 

Festim Diabólico está na lista dos 1001 filmes para ver antes de morrer.

Título original: Rope

Direção: Alfred Hitchcock

Produção: Sidney Bernstein

Roteiro: Hume Cronyn e Arthur Laurents, baseado no livro de Patrick Hamilton

Elenco: James Stewart, John Dall, Farley Granger

Lançamento: 1948

Nota:

Comentários