Harry Potter e as Adaptações Cinematográficas | Cinema de Buteco
Críticas de filmes

Harry Potter e as Adaptações Cinematográficas

por Wendel

harry-potter-and-the-deathly-hallows-part-2-poster-harry-potter-2 Harry Potter e as Adaptações CinematográficasNÃO, EU NÃO SOU DAQUELES QUE conheceu a história do bruxinho no primeiro livro. Quando eu usava óculos eu não rabiscava um trovão na testa e me vestia como aluno de Hogwarts. Não vi todos os filmes na pré-estréia e não sei jogar quadribol de trouxas. Não baixei os livros em inglês quando eles saiam e nem tenho uma varinha réplica do filme. Não sou desses fãs. Eu sou apenas mais um fã da fantástica história desse garoto bruxo que cativou gerações e gerações e ainda ganha fãs por onde quer que passe. Claro que a J.K. Rowlling acertou na mosca e conseguiu garantir dinheiro pro resto da vida. Mas isso não tem nada a ver com o post.

Quando eu ouvi falar em Harry Potter pela primeira vez, tinha acabado de sair a adaptação do 3º filme. Assisti A Pedra Filosofal e achei um filminho bem mais ou menos. Não que seja ruim, longe disso. É bom, mas é infantil demais. Pro nível do livro, foi razoavelmente bem adaptado.

Tempos depois, por uma coincidência do destino, comecei a ler o 1º livro na falta do que ler e acabei gostando da história e dos personagens. O que me rendeu os 3 primeiros livros lidos em 1 semana, o 4º em 5 dias, o 5º em 2 semanas, o 6º que só tinha em inglês, peguei emprestado e li em inglês mesmo em alguns poucos dias, até a derradeira espera pelo último livro que li curiosamente quase 1 ano depois de ter saído, mas com a mesma emoção de todos que leram o último capítulo dessa saga assim que ela saiu ou muito depois.

Mas não é por isso que estou escrevendo. E veio a adaptação da Câmara Secreta, considerado por muitos o livro mais fraco o que, de certa forma, é. O filme deixou muita gente aguando pois cortaram muito a história e algumas coisas pareciam perdidas. Mas e daí? O filme cumpriu o seu papel e levou mais uma legião aos cinemas, mesmo que com o mesmo apelo da infância.

harry-potter-and-the-deathly-hallows-part-2-poster-harry-potter-2 Harry Potter e as Adaptações Cinematográficas
Aí veio O Prisioneiro de Azkaban, revelando mais detalhes do passado de Harry e mostrando um familiar vivo. Esse foi o primeiro filme que deu brecha a fórmula “começo + meio + fim no próximo capítulo”. Claro, alguma hora tinham que parar com a fórmula infantil e fazer algo mais “crescido”. E foi assim que começou a conquista de um público mais amplo. Junto com Harry em Hogwarts.

No ano seguinte, veio a adaptação de um dos mais queridos e temerosos livros. O Cálice de Fogo tem o sério problema de ser bem maior que seus precessores, e um dos livros líder de preferência. Não ficou aquela 8ª maravilha do mundo. Muitos cortes (alguns essenciais e outros desnecessários), mas muita gente acabou esquecendo isso e deixando de lado. Afinal, era nesse capítulo da saga em que acontecia o grande retorno de Lord Voldemort.

E fomos brindados com A Ordem da Fênix. A bíblia da saga do bruxinho. Não pela importância, mas pelo tamanho absurdo do livro! Tudo bem, acontece muita coisa válida, mas o livro é longo demais e, estava óbvio que o filme não seria algo muito fiel. Dito e feito, o filme é razoável, mas não é de se jogar fora. Afinal, quando se é fã de livros que viram filme, o melhor é poder ver o que você só imaginava!

Na reta final, nos deparamos com o curto e grosso Enigma do Príncipe. Um capítulo que, pra mim, foi deixado de lado. É crucial, importante e define uam série de coisas. Nas telonas, infelizmente, cagaram ele todo. Mas assim como os anteriores, você aceita pelo fato de que nem tudo é perfeito e livro é uma coisa complicada de se adaptar. O filme passou o recado e também cumpriu o seu papel.

E no ano passado, As Relíquias da Morte pt.I vem como o a primeira parte do fim. Junto com a BRILHANTE idéia de dividir em 2 partes. Pros nossos bolsos e corações é complicado, mas comercialmente, pro bolso dos produtores e pra nossa felicidade, dividir o filme é ótimo e dá margem a caprichar nos detalhes. A pt.I foi muito bem adaptada, como nenhuma outra havia sido ainda! Não ficou perfeita. Mas ficou ótima! Dá pra ver que eles tentaram ser os mais fiéis possíveis ao livro! E pra mim conseguiram.

Agora chegou o real fim. 7 anos depois, chega as telas a última e final parte dessa saga. Me arrisco a dizer que é uma geração inteira. Afinal, quantos não cresceram junto com Harry, Hermione e Rony? Isso é claro, somada a outras gerações, novas, velhas. Harry Potter deixou de ser um livro/filme infantil e se tornou numa história vencedora, marcante e cativante. Digam o que quiser, mas depois de amanhã, muita gente vai se sentir órfã, assim como quando foi lançado o último livro. Aproveite o momento e se prepare, porque não importa o que aconteça no final, só 1 deles vai viver.

harry-potter-and-the-deathly-hallows-part-2-poster-harry-potter-2 Harry Potter e as Adaptações Cinematográficas

Wendel

Wendel Wonka largou o curso de Letras Port/Inglês na UERJ pra trabalhar como Técnico Telecom na Oi. O hobbie de DJ acabou virando profissão alternativa e às vezes ganha um trocado com isso. No meio disso tudo, faz resenhas críticas (ou não) e revisão de texto no CdB. Ah, também está tentando o vestibular de novo, só que pra ADM. Faz parte do site desde a sua formação Beta e integra a ala carioca do Buteco (e queria colocar uma foto na horizontal).

Comentários

  1. amanha sai o post da ultima parte… mas enquanto isso lá vai uma piadinha… sabe como faz pra transformar este post no post do 2T sem usar NENHUMA bruxaria?

    Basta tirar todas as palavras "não" do primeiro Paragrafo!
    AHAAAAAAAAAAA! 😀

  2. Muito bom, cara!
    Conseguiu expressar exatamente as minhas emoções ao acompanhar essa série. Como você citou, eu cresci junto com essa história.

    Caralho, que sensação de vazio da porra! Mas como uma amiga me confortou ontem:

    "The magic will never end"

  3. Incrivel eu concordo com tudo o que você disse!
    sou fã de hp desde os 8 anos de idade,e só conheci por causa do primeiro filme mesmo,mas assim que vi fique apaixonada,ganhei o livro e depois a VHS que guardo com muito carinho até hoje!
    hoje 10 anos depois de ter conhecido Hp,chego a conclusão de que sou fã de verdade dos livros,que li e leio até hoje,sempre que bate saudade!
    e quanto aos filmes eu tenho alguns em dvd,mas eu não consigo explicar o pq,já que os filmes sempre me decepcionaram,assisti a maioria no dia de estreia,mas nunca me fantasiei de bruxa nem nada assim,haha! fui muito fã de hp,mas sem essa de fanatica!
    sempre li muitas outras coisas,mas na minha infancia toda sem dúvidas Hp marcou! enfim,acho que é isso mesmo que você disse,sou muito fã dos livros e sempre vi os filmes,exatamente para ter uma outra visão da historia que eu tanto gostava,e acabou virando algo importante,sempre ir ao cinema assistir as estreias de Hp,ver o elenco crescer,enfim,depois de tanto tempo eu chego a conclusão de que não mudaria nada além da adaptação,um roteiro mais fiel a historia do Harry e de tantos personagens ncriveis,quase sempre nos filmes fazem o Harry parecer um bocó,e não estou falando do Daniel e sim do jeito bobo do personagem que é tão interessante e humano nos livros! eu não mudaria nada mesmo além da adaptação que peca muito! :/,não dá para ser igual ao livro,mas dá sim para passar a mensagem dele,como para mim a pedra filosofal e a camara secreta conseguiram fazer,por mais infantil que esses filmes pareçam para mim hoje,na época foi incrivel,e até hoje acredito que os 2 primeiros consigam sim passar a mensagem,e claro Rdm p1 também ficou muito bem adaptado!
    e o último filme então,acabou comigo,uma pena mesmo uma historia tão sensacional não ser representada como merecia,foi grandioso e muito bem feito,mas como sempre pecou na falta de conteudo da historia!