O Menino do Pijama Listrado

Tá. Agora eu entendi o motivo pelo qual este filme figurou em várias listas dos melhores de 2008. O nome bobinho não deixava transparecer a beleza da coisa. Fui descobrir o tema do filme depois de encontrar o livro à venda em alguma loja virtual. Fiquei interessado e voilá, acabei de conferir a adaptação de O Menino do Pijama Listrado. Um belo filme. Mesmo.

A segunda guerra mundial é um dos temas mais requisitados do cinema mundial. Só nos últimos anos podemos contar diversos filmes sobre o tema, e poucos são ruins. Poucos mesmo. Mais recentemente conferimos Um Ato de Liberdade, Operação Valquíria e O Leitor. Só para mencionar os últimos mesmo, já que a lista é enorme. Muitos dos filmes andam explorando histórias paralelas e que conseguem ser muito mais interessantes quando usam a guerra como pano de fundo, apenas para habituar a situação. E é bem o caso desse filme (estou ansioso para colocar as mãos no livro), que me remeteu muito à história criada por Marcus Suzak em A Menina Que Roubava Livros (que em breve vai ganhar uma versão na telona). Talvez por contar com uma criança como personagem principal e uma amizade com um judeu. Não sei explicar.

O Menino do Pijama Listrado conta a história de um garotinho de oito anos que é filho de um importante comandante do nazismo. Ele acaba indo morar perto de um campo de extermínio de judeus na Polônia e lá conhece um garotinho que tem a mesma idade que ele, e acabam criando uma forte amizade. O que o garotinho desconhece é que existe uma guerra e os judeus são considerados como inimigos do povo alemão. Uma bela história que serve para exemplificar bem os horrores do nazismo e o preço que pagamos por fazer o que achamos ser correto.

Recomendo demais.

  • LoLo Melamed

    quero tanto ver esse filme (ando tão sumida, tão ocupada, contando os dias pro vestiba… saudades de voces^^ logo eu volto!!! hauahaua)

    Beijos

  • Tainã Senna

    Volte .. vem viver outra vez ao nosso lado .

  • Fla

    não consigo dooooormir sem teu … comentário?

    hahahahaah

    enfim, esse filme não teve uma divulgação muito boa, só depois com o livro bombando que ele veio à tona.

    adaptação da menina que roubava livros… essa sim pode ser bem interessante!

  • João

    tt fala muito bem desse filme sempre.
    quero ver.

Tullio Dias

Dizem que sou legal, mas eles estão mentindo só para me agradar. Gosto de Molejo, acho Era Uma Vez no Oeste uma obra-prima, prefiro baixo de quatro cordas do que os de cinco, tenho um MBA de MKT Digital e um curso de Publicidade, não tenho filhos, não tenho um coração, mas me derreto por caipirinhas.