Cinema por quem entende mais de mesa de bar

Previções OSCAR 2013 – Parte IV, por João Paulo Andrade

23_48_37_993_file

ALGUNS (REAIS) MOTIVOS PARA ASSISTIR À CERIMÔNIA DO OSCAR DESTE ANO: As apresentações de Adelle e sua (campeã) Skyfall e Nora Jones com Everybody Needs a Best Friend de Ted; A homenagem aos musicais; A homenagem aos 50 anos de Bond; Ver JLaw de Dior, Jessica Chastain arrasando na sensualidade e ousadia como no Clavin Klein Colection do Globo de Ouro, Emmanuelle Riva de Ives Saint Laurent, e alguém usando este Alexander Macqueen.

 

Os prêmios também são parte importante no espetáculo, mas num jogo onde as cartas já estão praticamente marcadas por quesitos nada imparciais, qualquer aposta se torna ingênua ou repetitiva. Esta “previsão” é nada mais que um sinal das minhas preferências. Que por isto mesmo falam dos meus gostos pessoais e não da verdade sobre a qualidade dos filmes. Mas disso vocês já sabiam quando clicaram aqui, então vamos ao que “interessa”: OS PRÊMIOS (?)

- Advertisement -

Amour-Yahoo-Movies-HD-gif_183406

Melhor Filme

Torço (ingenuamente) por Amor, claro, mas depois de uma Palma de Ouro e do reconhecimento tardio de Hollywood, que surge como uma surpresa dada a quantidade de indicações, não há como não dizer que Amor já chegou longe demais no que diz respeito às premiações em solo americano. Só não dêem o prêmio pra nenhum filme que não seja As Aventuras de Pi, queridos  acadêmicos! Indomável Sonhadora é o cotista cult do ano (cota que foi melhor preenchida em vista dos anos passados). O Lado Bom da Vida é um bom filme, mas não é o melhor do ano. Argo é uma prova da competência de Bem Afleck, que já havia feito filmes igualmente bons e mais delicados em seu recente passado como diretor. Mas a academia tem esse débito com Ang Lee. Essa dívida pode ser paga também na categoria de…

tumblr_mh3y3cURR41qf2x2mo6_r1_250

Melhor Direção

Porquê Ang Lee é (ou deveria) ser imbatível aqui: por que é o diretor que melhor conseguiu agenciar uma série de recursos de uma maneira impecável para criar um universo de imagens e simbolismos, que dão forma a uma história extremamente imaginativa, e que poderia se transformar numa cafonice sem fim. Neste sentido Benh Zeitlin também fez um bom trabalho. A última vez que Spielberg fez algo realmente relevante e impactante (e inovador) como diretor foi com o sensacional Monique. Mas tudo é possível nesta categoria…

tumblr_m7fojnAV0L1qzogo3

Ator

Denis Lavant por Holly Motors, QUER DIZER:

Se não me engano foi Nathalia Pandeló quem disse que a definição das apostas do Oscar se transforma depois que se assiste a O Mestre. Como sempre, ela tem toda a razão. Sua ausência nas categorias de filme, direção e roteiro, mostram como este Oscar é meio esquisito, democrático e injusto ao mesmo tempo. Como ignorar um filme com emoções tão potentes e com paixões e desejos tão destruidores e transformadores como em O Mestre? Isto não está em questão nesta categoria, mas Joaquim Phoenix, o indomável, é o melhor… Sua competição com Day Lewis me lembra da categoria de melhor atriz do ano passado. Meryl Streep fez um retrato impecável da Dama de Ferro, mas Rooney Mara criara algo novo com sua Lisbeth Salander. O mesmo acontece aqui.

tumblr_mfo8w6qBUP1qdf3xzo1_500

Atriz

Cadê Marion Cotillard por Ferrugem e Ossos? Pelo menos entre as indicadas ela merecia, mas na ausência de uma francesa, torno, sem sombra de dúvidas por outra: Emmanuelle Riva. Esta com certeza será a MAIOR injustiça do Oscar deste ano. Não que ela se importe. Mais do que uma estatueta, ela tem a história do cinema para provar sua relevância e competência como atriz. Impecável em Amor, delicada e devastadora, ela se torna nosso espelho do presente e do futuro, na maioria do tempo apenas balbuciando palavras e ações. Qualquer aposta em Jennifer Lawrence é leviana e inapropriada, mesmo que recorrente. Vamos aguardar, quero me surpreender positivamente aqui.

tumblr_mhmpeaLjdz1qjjo6qo1_r2_500

Ator Coadjuvante

Não tenho apostas nem preferências, todos estão igualmente nivelados. Nada se destaca A NÃO SER Philip Seymour Hoffman que não deve ganhar. De Niro pela sua simpatia azeda em O Lado Bom da Vida. Mas o fato é: CADÊ JAVIER BARDEM AQUI GENTE?

Atriz Coadjuvante

Estou dividido. Duas divas da nova geração, competindo juntas. Amy X Anne. Fico com Amy Adams por suas indicações anteriores, seu trabalho impecável em O Mestre, e por suas escolhas no Red Carpet, que são bem superiores às de Anne…

Roteiro Original

Haneke ou Moonrise Kingdom. Eu não gosto tanto de Django Livre quanto a maioria das pessoas, então não posso dizer que gostaria que Tarantino ganhasse. Se fosse por Bastardos Inglórios ele já teria meu voto.

Adaptado

Daria esse prêmio para David O. Russel .  Assim a gente divide um pouco os prêmios e todo mundo sai relativamente feliz.

Pior acompanhante: Nicole Kidman por seu Keith Urban com cabelo cafona.

Melhor animal em cena: Animais Pré Históricos de Indomável Sonhadora X Pomba de Amor X Baleias de Ferrugem e Ossos = DÚVIDA CRUEL

Último Melhor Oscar que deixou saudades: Edição de 2010 com Guerra ao Terror vencendo…

 

tumblr_m00h4zWbdD1r7gfyt

Comentários