Cinema por quem entende mais de mesa de bar

Salt

Vez ou outra aparecem alguns filmes que nos assustam. E quando digo isso, podem ter certeza de que não estou falando de obras de terror como REC ou O Iluminado. Falo de filmes que nos assustam pela cara de pau, pela ruindade e pela absoluta falta de sentido. Quando existe um rosto e um corpo como o de Angelina Jolie em cena, a gente até consegue relevar um pouco e tentar curtir. Tentar, pelo menos.

Claro que estou usando de uma visão que não destaca apenas o divertimento e entretenimento, que são fundamentais para se conseguir apreciar qualquer filme de ação desmiolado. Sempre é um equívoco tentar esperar alguma coisa desse tipo de filme, que não se leva a sério em momento algum. Dizem que o papel principal foi feito para o ator Tom Cruise, que recusou o convite e recentemente estrelou Encontro Explosivo (dividindo cena com Cameron Diaz). Se o galã não tivesse declinado, Salt poderia ser ainda mais tosco e empobrecido visualmente pela ausência de uma atriz tão… ahnm… bela (para usar uma palavra educada) quanto Angelina Jolie. O sempre eficiente Liev Schreiber segura as pontas como o parceiro de Jolie.
Usando e abusando de sequências de ação, socos, pontapés e explosões, Salt conta a história de uma agente da CIA que é acusada de ser espiã do governo russo. O roteiro bem que tenta fugir dos clichês,(e quem sabe, se eu estivesse menos amargo, não diria que conseguiu?) mas é previsível e não empolga em momento algum. Os fãs de Lost certamente não tiveram problemas para decifrar um enigma crucial para o desenvolvimento da história. E pessoalmente, acho frustrante quando eu descubro o que vai acontecer antes daquele momento em que o filme tenta impressionar e dizer: “Ahá! Tá vendo? Por essa você não esperava!”.
Mas não se pode negar que o diretor Phillip Noyce conseguiu criar pelo menos duas sequências de grande tensão. A parceria da música com os cortes de camera criando a sensação angustiante de que as coisas podem dar errado a qualquer momento, conseguiu dar um pouco de graça para o filme e evitar um completo desastre. Às vezes, nem mesmo ter Angelina Jolie no elenco salva. Vale dizer que a atriz já declarou estar ansiosa pelo começo das filmagens da parte dois, que deve acontecer após o sinal verde dos estúdios. Ninguém merece.

Comentários