Vigaristas (2009)

As traduções de filmes no Brasil são (e serão) um eterno problema. Os Vigaristas é o mesmo título de um filme lançado em 2003 e que tinha Nicolas Cage e Sam Rockwell no elenco. (Nunca vi, confesso. Deixo para um eventual momento em que o Cinema de Buteco resolver falar dos filmes do Nicolas Cage ou do Ridley Scott). De qualquer maneira, é um saco você querer ver um filme e descobrir que existe outro com o mesmo nome. Se você souber do elenco, diretor, roteirista, história, ok. Mas e se for tudo vago? Se tudo que souber é que trata-se da história de dois homens vigaristas? Aí fodeu, né?

O melhor de Os Vigaristas (2009) não é a ausência do Nicolas Cage. A atuação de Rachel Weiz como uma ricaça pirada é um dos destaques. Durante uma cena, a maluca tem uma relação “sexual” com os trovões e a chuva. Com certeza, foi o orgasmo mais interessante que já vi no cinema. Supera de longe a Meg Ryan dentro de uma lanchonete em Harry e Sally. Mas o grande destaque do filme dirigido por Rian Johnson é a participação do ator Adrien Brody. Interpretando o irmão mais novo do vigarista mais velho (dããã), ele dá um verdadeiro show.

Apesar de ser uma comédia, acaba que a história é emocionante. Clichê ao extremo e a trama romântica é tão original quanto os filmes da Meg Ryan (já que estou crucificando geral, vai ela mesmo. não queria pegar no pé do Nicolas Cage de novo, coitado!), mas o público é cativado tamanha a inspiração dos atores. Não tem nada melhor que aqueles filmes que nos fazem torcer pelos personagens, por mais cretinos que eles sejam (é bem parecido com a vida real. Aposto que você torce por sua felicidade todos os dias, mesmo roubando a namorada do amigo, mentindo no emprego e blá blá blá).

Preste atenção nos planos de fundo durante o filme. Quase sempre existe uma piadinha subliminar acontecendo e as risadas são praticamente garantidas. Só por conta das piadinhas e do sexo da Rachel Weiz, dou nota 4. Ou quatro caipirinhas. Chopps, tanto faz…

Ficha Técnica:
Vigaristas
(Brothers Bloom, 2009)
Dirigido:
Rian Johnson
Roteiro: Rian Johnson
Genêro:
Comédia
Elenco:
Adrien Brody , Mark Ruffalo, Rachel Weisz
Trailer


  • Fla

    eu gosto da rachel weisz. e esse filme parece ser legaaaal!

    mas o adrien brody e seu nariz sempre serão lembrados pelo Pianista.

  • Anonymous

    Que crítica mais lixo meu amigo.. você conseguiu em 4 parágrafos falar do Nicholas Cage, Meg Ryan mas nada sobre o filme. Lí mas nem o tema central foi falado.

  • 2T

    O nome do filme é meio óbvio, né? Qual a graça da falar que "é um filme sobre as trapaças de dois irmãos até encontrarem uma ricaça pirada e decidirem dar um grande golpe na coitada".

Tullio Dias

Dizem que sou legal, mas eles estão mentindo só para me agradar. Gosto de Molejo, acho Era Uma Vez no Oeste uma obra-prima, prefiro baixo de quatro cordas do que os de cinco, tenho um MBA de MKT Digital e um curso de Publicidade, não tenho filhos, não tenho um coração, mas me derreto por caipirinhas.