Cinema por quem entende mais de mesa de bar

Oscar 2017: o que já estreou e o que está por vir nos cinemas brasileiros

A pouco mais de um mês da maior premiação do cinema, preparamos um Top 10 especial do Oscar 2017. A primeira parte é sobre produções que já estrearam nas salas brasileiras e são fortes candidatas à estatueta, enquanto a segunda é sobre outras que estreiam em breve. Uma ótima oportunidade para ficar por dentro dos filmes mais aclamados do ano e conferi-los para depois ter um bom papo sobre eles numa mesa de buteco!

 

A Chegada

O filme de Denis Villeneuve é um que talvez julguemos ser, inicialmente, mais uma ficção científica de Hollywood que não deve adicionar nada às demais. Porém, depois que você termina de vê-lo e percebe que a conversa aqui é sobre algo completamente diferente, a
surpresa é gratificante. O diretor canadense traz aqui uma profunda história sobre relacionamentos, amor e nossa sociedade em geral, cheia de reviravoltas inesperadas.

- Advertisement -

Crítica do CdB

 

Elle

Isabelle Huppert. Essas duas palavras são suficientes para vermos o intenso Elle, produção francesa que nos faz ter uma série de reações diferentes durante sua exibição. Rimos, sentimos medo, ficamos chocados, enfim, a protagonista consegue nos cativar com sua
personalidade forte e bizarra e carrega o filme nas costas. E por mais que ela nos surpreenda com suas atitudes, conseguimos torcer por ela porque Huppert domina o papel com maestria, do início ao fim.

Crítica do CdB

 

Animais Noturnos

O ditado é velho mas ainda pode ser aplicado até hoje: “valorize o que você tem, antes que a vida te ensine a valorizar o que você tinha”. Animais Noturnos é um filme que nos faz sentir isso na pele e da forma mais seca e cruel possível. Dirigido pelo perfeccionista Tom
Ford, o drama é um soco no estômago recheado com atuações de intensidade.

Crítica do CdB

 

Capitão Fantástico

Uma aventura com vibes de Wes Anderson, a qual nos leva ao cotidiano de uma família que possui uma maneira especial de viver, liderada por um pai com métodos fora do comum. Essa engraçada e comovente história nos ensina sobre amor, família e educação.

Crítica do CdB

 

 

Zootopia

Inteligente, debochada e extremamente engraçada, essa animação ter sido um enorme sucesso mundial não foi coincidência nenhuma. Um dos filmes mais originais do gênero, diversão garantida!

 

 

La La Land

Após Whiplash, Damien Chazelle retorna com um musical que homenageia os clássicos hollywoodianos e nos faz lembrar do que é um bom filme do gênero. Além de mostrar ao público uma Los Angeles que o cinema provavelmente nunca mostrou, com uma fotografia de tirar o fôlego.

Estreia: 19 de janeiro.

Crítica do CdB

 

Moonlight

Após o #OscarSoWhite em 2016, a temporada de premiações atual teve em destaque várias produções estreladas por atores negros, entre eles Moonlight. O drama acompanha a vida de um homem desde sua infância até a adolescência e é um dos favoritos ao prêmio de melhor
filme e ator coadjuvante.

Estreia: 23 de fevereiro

https://www.youtube.com/watch?v=6TTizmpoa-U

 

Cercas

Repetindo o sucesso de crítica e premiações da peça de 2010, a adaptação dirigida por Denzel Washington foi um dos filmes mais aclamados dos EUA no ano passado. Nela, o espectador vivencia os desafios de uma família negra na década de 50, a qual tem um
patriarca com uma personalidade um tanto quanto complicada. Viola Davis deve vender o seu primeiro Oscar pelo papel da esposa do protagonista.

Estreia: sem data de estreia no Brasil.

 

Manchester à Beira-Mar

Um filme independente que começou a trilhar seu caminho para o Oscar há um ano, no Festival de Sundance. Esse drama sobre luto e família parece simples à primeira vista, mas ecoa na vida de muitos, encabeçado por atuações aclamadas de Casey Affleck, Michelle Williams e Lucas Hedges.

Estreia: 19 de janeiro.

 

Até o último Homem

Mel Gibson está de volta em um intenso drama real de guerra que conquistou a crítica e dará a Andrew Garfield sua primeira indicação ao Oscar. Chamamos atenção para não só a atuação do ator britânico, mas também aos quesitos técnicos do filme, especialmente o som e efeitos visuais. A história verídica de Desmons Moss também é bastante emocionante!

Estreia: 26 de janeiro.

 

Comentários