Cannes anuncia seus selecionados e terá cobertura ao vivo pelo Cinema de Buteco | Cinema de Buteco
Cannes Premiações e Festivais

Cannes anuncia seus selecionados e terá cobertura ao vivo pelo Cinema de Buteco

30x18-Cannes2014-600x360 Cannes anuncia seus selecionados e terá cobertura ao vivo pelo Cinema de Buteco

FORAM ANUNCIADOS HÁ POUCO OS FILMES SELECIONADOS PARA O 67º FESTIVAL DE CANNES, que ocorre entre os dias 14 e 25 de maio e terá pela primeira vez a cobertura presencial do Cinema de Buteco, que me envia (Larissa Padron) para terras francesas.

Entre os filmes em competição estão alguns aguardados, como Maps to the Stars, do canadense David Cronenberg (Cosmópolis); Deux Jours, Une Nuit, o novo filmes dos irmãos Dardenne (duplamente vencedores por A Criança e Rosetta) estrelado por Marion Cotillard; Mommy do jovem e prolífico Xavier Dolan; Adieu Au Langage, de Jean-Luc Godard, que aos 83 anos surpreendentemente nunca venceu uma Palma de Ouro; e The Homesman, de Tommy Lee Jones, vencedor da Palma de Ouro de melhor ator por Três Enterros, sua estreia na direção.

O festival ainda conta com o francês Saint Laurent, protagonizado por Léa Seydoux, protagonista de Azul é a Cor Mais Quente, que venceu a Palma de Ouro em 2013; e filmes de conhecidos de longa data pelo Festival, como os britânicos Jimmy’s Hall, de Ken Loach (Ventos da Liberdade) e Mr. Turner, de Mike Leigh (Segredos e Mentiras).

A lista também conta com estreantes em Cannes, como Bennet Miller (O Homem que Mudou o Jogo) com o americano Foxcatcher, com Mark Ruffalo e Channing Tatum; Alice Rohrwacher (Corpo Celeste) com o italiano Le Meraviglie; e Damian Szifron (Tempo de Valentes) com o argentino Relatos Salvajes, protagonizado por Ricardo Darín.

A Mostra Um Certo Olhar, que terá o júri presidido pelo diretor argentino Pablo Trapero (Elefante Branco), conta com o único brasileiro representante no Festival: o documentário The Salt of the Earth, sobre o fotógrafo mineiro Sebastião Salgado. O filme foi realizado por Wim Wenders (Paris, Texas) e pelo filho do fotógrafo, Juliano Ribeiro Salgado.

A mostra ainda traz filmes de conhecidos atores, como a italiana Asia Argento, com Imcomprensa, e o francês Mathieu Amalric, vencedor da Palma de Ouro de melhor diretor em 2010 por Turnê. Mas um dos mais aguardados é a estreia na direção de Ryan Gosling (Drive), com o americano Lost River.

Os curtas-metragens selecionados e os filmes pertencentes a mostra Cinefoundation foram anunciados nesta quarta-feira. O júri desta mostra é presidido pelo cineasta Abbas Kiarostami (Cópia Fiel) e conta também com a brasileira Daniela Thomas (Linha de Passe) no time.

O 67º Festival de Cannes terá Jane Campion (O Piano) como Presidente do Júri e tem início no dia 14 de maio com a exibição do filme Grace: A Princesa de Mônaco (fora de competição), que traz Nicole Kidman no papel da musa Grace Kelly.

Confira a lista completa de selecionados:

Filme de Abertura

Olivier Dahan – Grace: A Princesa de Mônaco (França/EUA)

Em competição

Olivier Assayas – Sils Maria (França)

Bertrand Bonello – Saint Laurent (França)

Nuri Bilge Ceylan – Kis Uykusu (Winter’s Sleep) (Turquia)

David Cronenberg – Maps To The Stars (Canadá)

Jean-Pierre Dardenne & Luc Dardenne – Deux Jours, Une Nuit (Two Days, One Night) (Bélgica)

Xavier Dolan – Mommy (França)

Atom Egoyan – The Captive (Canadá)

Jean-Luc Godard – Adieu Au Langage (Goodbye To Language) (Suíça)

Michel Hazanavicius – The Search (França)

Tommy Lee Jones – The Homesman (EUA)

Naomi Kawase – Futatsume No Mado (Still The Water) (Japão)

Mike Leigh – Mr. Turner (Reino Unido)

Ken Loach – Jimmy’s Hall (Reino Unido)

Bennett Miller – Foxcatcher (EUA)

Alice Rohrwacher – Le Meraviglie (Itália)

Abderrahmane Sissako – Timbuktu (França)

Damian Szifron – Relatos Salvajes (Wild Tales) (Argentina)

Andrey Zvyagintsev – Leviathan (Russia)

Um Certo Olhar

Marie Amachoukeli, Claire Burger e Samuel Theis – Party Girl (França) – Filme de Abertura

Lisandro Alonso – Jauja (Dinamarca/EUA/Argentina)

Mathieu Amalric – La Chambre Bleue (The Blue Room) (França)

Asia Argento – Incompresa (Misunderstood) (Itália)

Kanu Behl – Titli (estreia na direção) (Índia)

Ned Benson – Eleanor Rigby (EUA)

Pascale Ferran – Bird People (EUA)

Ryan Gosling – Lost River (estreia na direção) (EUA)

Jessica Hausner – Amour Fou (Austria)

Rolf De Heer – Charlie’s Country (Austrália)

Andrew Hulme – Snow In Paradise (estreia na direção) (Reino Unido)

July Jung – Dohee-Ya (A Girl At My Door) (estreia na direção) (Coréia do Sul)

Panos Koutras – Xenia (Grécia/França/Bélgica)

Philippe Lacôte – Run (Costa do Marfim/França)

Ruben Östlund – Turist (Suécia)

Jaime Rosales – Hermosa Juventud (Beautiful Youth) (Espanha)

Wang Chao – Fantasia (França/China)

Wim Wenders e Juliano Ribeiro Salgado – The Salt Of The Earth

Keren Yedaya – Harcheck Mi Headro (Away Form His Absence)

Fora de Competição

Dean Deblois – Dragons 2 (How To Train Your Dragon 2)

Zhang Yimou – Gui Lai (Coming Home)

Sessões da Meia-Noite

Chang – Pyo Jeok (The Target)

Kristian Levring – The Salvation

David Michod – The Rover

Exibições Especiais

Aida Begic, Leonardo Di Costanzo, Jean-Luc Godard, Kamen Kalev, Isild Le Besco, Sergei Loznitsa, Vincenzo Marra, Ursula Meier, Vladimir Perisic, Cristi Puiu, Marc Recha, Angela Schanelec, Teresa Villaverde – Les Ponts De Sarajevo (Bridges Of Sarajevo)

Polsky Gabe – Red Army

Sergei Loznitsa – Maidan

Mohammed Ossama – Eau Argentée

Stéphanie Valloatto – Caricaturistes – Fantassins De La Démocratie (Cartoonists – Foot Soldiers Of Democracy)  

Celebração do 70º aniversário do jornal Le Monde

Yves Jeuland – Les Gens Du Monde

Seleção de Curtas-Metragens

Ran Huang – The Administration Of Glory (China)

Dea Kulumbegashvili – Ukhilavi Sivrtseebi (Invisible Spaces) (Georgia)

Sato Masahiko, Ohara Takayoshi, Seki Yutaro, Toyota Masayuki, Hirase Kentaro – Happo-En (Japão)

Simón Mesa Soto – Leidi (Colômbia/Reino Unido)

Sergey Pikalov – Sonuncu (The Last One) (Azerbaijão)

Petra Szőcs – A Kivegzes (The Execution) (Hungria/ Romênia)

Clément Trehin-Lalanne – Aïssa (França)

Laura Wandel – Les Corps Étrangers (Bélgica)

Hallvar Witzø – Ja Vi Elsker (Yes We Love) (Noruega)

Seleção do Cinefoundation

Max Chan – Our Blood (EUA)

Pierre Clenet, Alejandro Diaz, Romain Mazevet, Stéphane Paccolat – Home Sweet Home (França)

Omar El Zohairy – The Aftermath Of The Inauguration Of The Public Toilet At Kilometer 375 (Egito)

Reinaldo Marcus Green – Stone Cars (EUA)

Han Fengyu – Last Trip Home (Singapura)

Meryll Hardt – Une Vie Radieuse (A Radiant Life) (França)

Chie Hayakawa – Niagara (Japão)

Atsuko Hirayanagi – Oh Lucy! (Singapura)

Inbar Horesh – The Visit (Israel)

Stefan Ivančić – Leto Bez Meseca (Moonless Summer) (Sérvia)

Daisy Jacobs – The Bigger Picture (Reino Unido)

György Mór Kárpáti – Provincia (Hungria)

Kwon Hyun-Ju – Soom (Breath) (Coréia do Sul)

Léa Mysius – Les Oiseaux-Tonnerre (Thunderbirds) (França)

Fulvio Risuleo – Lievito Madre (Sourdough) (Itália)

Annie Silverstein – Skunk (EUA)

 

Fique ligado no Cinema de Buteco e em nossas redes sociais (Facebook e Twitter) para acompanhar a cobertura do 67º Festival de Cannes.

Larissa Padron

Larissa Padron é jornalista pela UFMG e apaixonada por cinema desde pequenininha (o que ela ainda é). Nas horas vagas dança sem música na cozinha, treina o discurso para o Oscar com o shampoo e coloca uns vídeo no Youtube.