Cinema por quem entende mais de mesa de bar

Os Melhores Vencedores do Oscar de Melhor Filme dos Últimos 10 Anos

Comemorando os nossos 10 anos no ar, decidimos eleger os nossos 10 vencedores do Oscar de Melhor Filme favoritos desde 2008!

ENQUANTO ESTÁ TODO MUNDO CONTANDO AS HORAS PARA CONFIRMAR SE A FORMA DA ÁGUA será mesmo o grande vencedor de melhor filme do Oscar 2018, o Cinema de Buteco preparou um ranking comemorativo para eleger os 10 melhores vencedores do Oscar de Melhor Filmes desde 2008, ano em que o portal entrou no ar.

O resultado você confere logo abaixo, mas nós queremos saber de você quais são os seus favoritos! Deixe seu comentário contando se gostou do ranking final. Combinado?

- Advertisement -

Os grandes vencedores do Oscar de Melhor Filme dos últimos 10 anos! Quais os seus favoritos?

filmes para aprender ingles - o discurso do rei

10- O Discurso do Rei (2011)

O Discurso do Rei conta a história de George VI, um dos reis da Inglaterra, que, diga-se de passagem, é um quê desfavorecido pela história em relação à sua filha Elizabeth II, porém não tão desconhecido assim como estão dizendo muitos por aí.

O filme partiu de uma ideia do roteirista David Seidler, que também era gago, de contar a jornada de superação do rei gago. Privilegiando assim, não só uma parte da história esquecida, como toda uma classe de pessoas que são envergonhadas e vítimas de zombaria todos os dias.

É de longe responsável por uma das maiores frustrações de todos os tempos se tratando de Oscar: ainda dói imaginar que O Discurso do Rei tirou o Oscar de Melhor Filme de A Rede Social. Clique aqui para ler uma lista completa com outros “vacilos” da Academia.

Melhores Vencedores do Oscar de Melhor Filme dos Últimos 10 Anos

9- Argo (2013)

É bastante improvável acreditar que os eventos narrados no longa-metragem dirigido por Ben Affleck sejam verdadeiros, mas podem confiar: o roteiro de Chris Terrio é baseado em um artigo publicado em um jornal e que revelou para o mundo inteiro a verdade sobre o resgate de seis reféns norte-americanos no Teerã, no começo dos anos 80.

Durante um atentado na embaixada norte-americana no Teerã, 52 pessoas são feitas com o reféns e seis conseguem escapar sem serem vistas. A CIA intervém antes dos terroristas descobrirem que foram enganados e um especialista em resgate inventa um plano mirabolante para conseguir salvar as suas vidas: com o apoio de um produtor de cinema, ele busca patrocínios para rodar um filme falso no país e fingir que os reféns são parte de sua equipe de produção. A obra gira em torno de toda a concepção do plano até o momento em que ele é colocado em ação, gerando várias sequências tensas.

Melhores Vencedores do Oscar de Melhor Filme dos Últimos 10 Anos

8- Quem Quer Ser Um Milionário? (2009)

Danny Boyle foi o cara que voltou para casa mais feliz depois da cerimônia de 2009. Na ocasião, Quem Quer Ser Um Milionário? se tornou membro do clube dos vencedores do Oscar de Melhor Filme com uma trama que combinava elementos de aventura, drama, romance e muito bom humor.

Ainda hoje existem muitas pessoas que trabalham com crítica de cinema que detestam a obra, o que é algo meio difícil de entender. Parece que o climão Bollywood causa um pouco de desconforto em quem não aprecia coisas bregas e cafonas. Ou simplesmente não gostam de admitir que a Academia reconheceu Boyle como um dos maiores cineastas de todos os tempos.

Melhores Vencedores do Oscar de Melhor Filme dos Últimos 10 Anos

7- Moonlight: Sob a Luz do Luar (2017)

Um filme com uma história extremamente difícil de ser contada, Moonlight nos apresenta a vida de um garoto com um verdadeiro checklist de minorias (negro, gay, periférico) e nos convida a acompanhar sua vida e todos os seus obstáculos durante seu crescimento com uma honestidade e uma delicadeza singulares. Talvez não tenha a força para se tornar um clássico do cinema, mas com certeza é um grande filme com muitos méritos, sendo um dos principais deles a forma como ele convida o espectador a ser empático com a vida de Chiron e todas as suas lutas mas sem precisar ser melodramático ou forçado, apenas mostrando a vida da forma mais real possível. Um grande filme e um grande vencedor do Oscar. (Lucas Victor)

Melhores Vencedores do Oscar de Melhor Filme dos Últimos 10 Anos

6- Spotlight – Segredos Revelados (2016)

Spotlight é um vencedor do Oscar de melhor filme que mereceu a estatueta por vários motivos. O drama de Tom McCarthy é uma obra que explora com detalhes e profundidade o fazer jornalístico, com uma narrativa inteligente e muito bem desenvolvida na tela. Além disso, é um tapa na cara da sociedade, pois mostra como fechamos os olhos para coisas que estão claras na nossa frente, por serem cometidas por pessoas poderosas demais. Junte tudo isso ao elenco de alto calibre, formado por Michael Keaton, Mark Ruffalo, Rachel McAdams, Brian d’Arcy James, John Slattery e Liev Schreiber, e temos uma produção que não só mereceu a estatueta principal da noite, mas também merece configurar entre as melhores adaptações jornalísticas da história. Um must see para qualquer profissional ou futuro da área. (Dani Pacheco)

Melhores Vencedores do Oscar de Melhor Filme dos Últimos 10 Anos

5- Guerra do Terror (2010)

Ganhador de 6 Oscar, incluindo melhor filme e direção em 2010, Guerra ao Terror quase não foi exibido nos cinemas daqui. Saiu direto em home video e logo após ser indicado em várias categorias, aí sim, o filme foi para as telonas. Mas quem queria assistir já tinha assistido e a bilheteria não foi das melhores. Enorme mancada das distribuidoras nacionais.

O filme, com sua câmera trêmula, nos mostra o cotidiano de um ranger perito em desarmar bombas. O soldado, inicialmente, é designado a permanecer em uma companhia situada no Iraque por pouco mais de um mês. Sua rotina coloca sua vida em risco basicamente todos os dias e ele parece gostar disso. A tensão é quase constante e mesmo se tratando de um filme de guerra, eu arrisco a dizer que essa obra é um suspense com um bom estudo dos efeitos da guerra sobre aqueles personagens.

Guerra ao Terror foi o primeiro filme a ter uma diretora como vencedora do Oscar de melhor direção. Mais que merecido e algo que precisa acontecer mais vezes nessa indústria. (Heliezer Soares)

Melhores Vencedores do Oscar de Melhor Filme dos Últimos 10 Anos

4- O Artista (2012)

Antes de mais nada, um filme fantástico. Dito isso, pode ser mencionado o fato de O Artista (The Artist, 2011) ser em preto e branco e praticamente mudo, o que não o coloca em posição inferior a outras obras. Pelo contrário. Sem poder usar muitos artifícios, o filme se concentra no básico: uma história cativante, ótimos atores, excelente uso do cenário e dos tons de cinza e uma homenagem a um período mágico do cinema. Um charme como não se vê com frequência, e que não se esquece facilmente. Não a toa, o longa levou cinco dos dez Oscars aos quais foi indicado, incluindo Melhor Filme, Diretor (Michel Hazanavicius) e Ator (Jean Dujardin). (Marcelo Seabra, do blog O Pipoqueiro)

Melhores Vencedores do Oscar de Melhor Filme dos Últimos 10 Anos

3- 12 Anos de Escravidão (2014)

Steve McQueen comandou um verdadeiro hino contra o racismo em 12 Anos de Escravidão, que conta sobre a vida de um negro que foi sequestrado e vendido como escravo durante um período de 12 longos anos. Nesse tempo, convivendo com um ruivo maluco, ele descobre o significado de inferno e precisa lutar para conservar a vontade de sobreviver e um dia reencontrar sua família.

Esse não é um daqueles tipos de produções que tentam encantar seu público amaciando a realidade que acontecia na época: McQueen não poupa seu público e faz questão de nos arrastar para dentro do sofrimento de seus personagens, como na memorável cena em que o protagonista é chicoteado e a câmera permanece fixa em seu rosto.

Melhores Vencedores do Oscar de Melhor Filme dos Últimos 10 Anos

2- Onde os Fracos Não Tem Vez (2008)

Existem produções que nascem para receber reconhecimento e ficar marcadas na história, como é o caso do “filho” que os irmãos Ethan e Joel Coen conceberam no fantástico faroeste moderno Onde os Fracos Não Têm Vez.

A trama conta com os tradicionais elementos de outras obras do currículo da dupla, e apresenta um sufocante jogo de gato e rato em que um zé ninguém tira a sorte grande e começa a ser perseguido por um dos maiores psicopatas de todos os tempos. Um rastro de sangue e violência é deixado até que todas as peças se juntam para encerrar uma produção obrigatória para quem quer que se diga como “entendido” de cinema.

1- Birdman (Ou a Inesperada Virtude da Ignorância) (2015)

A obra do cineasta mexicano Alejandro González Iñárritu é um mergulho do diretor no íntimo de um personagem, diferentemente dos mosaicos megalomaníacos criados em sua poderosa Trilogia do Caos (“Amores Brutos”, “21 Gramas” e “Babel”). Birdman narra a busca de um ícone pop do passado por se reencontrar, pessoal e profissionalmente, após uma decadência na carreira. A peça dentro do filme, o filme dentro da peça, a vida dentro de tudo e a mentira da realidade dentro da vida desfilam pela tela com diálogos ágeis e ácidos, num falso plano sequência infinito. Birdman é estranho, embebido de uma originalidade velha e repetitiva, charmosa e com potencial para se tornar no futuro uma cópia cult, de nicho, “cabeça”. A película é uma grande brincadeira sobre dores, decepções e existências vazias, com total entrega do elenco e uma atuação monstruosa de Michael Keaton, no papel de sua vida. (Carvalho de Mendonça)

Comentários