Cinema por quem entende mais de mesa de bar

Top 10 – Os Melhores Filmes de Ação de 2015

Leonardo Lopes separou os 10 melhores filmes de ação de 2015. Quais são os seus favoritos?

Melhores filmes de ação de 2015 - 71

A VERDADE É QUE ESTÁ CADA VEZ MAIS DIFÍCIL selecionar uma dezena bons filmes de ação com base num período dos 12 meses antecedentes; apesar de algumas grandes obras, há muitas porcarias-porradeiras sendo lançadas.

- Advertisement -

Acompanhe outras dicas que ficaram de fora do ranking oficial na página 2 e clique aqui para conferir as listas individuais da equipe e convidados.

Felizmente para você, leitor, nós do Cinema de Buteco somos grandes admiradores deste gênero e, apesar das adversidades, prosseguimos firmemente à procura de títulos interessantes neste – por mais escondidos que eles possam estar. Confira quais e aprecie sem moderação:

10- 007 Contra Spectre

1$_V?_Job Name007 Contra Spectre funciona como exemplar de ação (sem dúvida, um dos melhores do ano), em encerrar o arco de histórias desse James Bond, mas fracassa em corresponder às nossas expectativas de ver Sam Mendes/Daniel Craig superando Operação Skyfall e ousando fugir ainda mais do estereotipo dos filmes da franquia.

Tullio Dias


9- Terremoto – A Falha de San Andreas

poster san andreasMesmo longe de ser aquele tipo de entretenimento inteligente que n os faz refletir (como é o caso da maioria das produções citadas aqui, incluindo o fetiche de Kingsman com a violência gráfica), A Falha de San Andreas merece seu lugar ao sol porque é um disaster movie com todos os defeitos e qualidades de inúmeras outras produções idênticas, mas com o plus de ter o sempre carismático Dwayne Johnson e cenas muito empolgantes. De vez em quando é divertido ter uma opção aceitável assim para aqueles jogos de beber uma dose de tequila para cada vez que alguém gritar socorro, o nome do personagem principal etc.

Tullio Dias


8- Expresso do Amanhã

Honestamente, Expresso do Amanhã não ocupa uma posição mais privilegiada nesta lista – e, quem sabe, em melhores filmes de ação de 2015 - o expresso do amanhãoutras – apenas por conta de sua atrasada exibição nos cinemas brasileiros, fazendo com que boa parte de nossa equipe – bem como os leitores, provavelmente – já tivessem visto o filme há tempos, desconsiderando-o entre os títulos dos últimos dois semestres. Pessoalmente, gosto de manter o preciosismo – se é que o é – e sempre considerar os lançamentos comerciais oficiais, assim assisti a esta joia somente recentemente, com seu lançamento nas locadoras, e fiz questão de assegurá-lo entre as obras aqui listadas. Deixando de lado as declarações pessoais, o trabalho de Bong Joon Ho é louvável, desenvolvendo através de um grandioso trem pós-apocalíptico uma alegoria que trata a divisão de classes do sistema capitalista como se deve: de maneira dura e cruel, devendo ser combatida intensamente; uma fiel retratação da responsável pelas problemáticas sociais subsequentes às quais hoje experimentamos. Com um trabalho visual delicioso e sempre surpreendente, nos recompensando a cada novo vagão atravessado, a produção é claramente uma ficção científica, mas garante seu lugar nesta lista por uma razão simples e arrebatadora: está estacionada logo atrás de Mad Max e Kingsman como aquela que possui as melhores (e mais surtadas) sequências de ação de ano – destaques para aquela durante a passagem de um túnel e a dos ovos, ambas memoráveis.

Leonardo Lopes


7- Hyena

Melhores filmes de ação de 2015 - HyenaFora do circuito mainstream da indústria costumam aparecer opções atraentes. Esse ano não foi diferente e o nosso sétimo colocado na lista de melhores filmes de ação de 2015 é o britânico Hyena, que apresenta a história de um policial corrupto e viciado em drogas que se mete em sérios apuros e precisa encontrar uma maneira de evitar que outras pessoas paguem pela sua completa falta de escrúpulos. Esse é um daqueles títulos que nos deixam um pouco mal depois de assistirmos, ou seja, uma obra que vale a pena conferir e atestar a qualidade.

Tullio Dias


6- Corações de Ferro

poster melhores filmes de ação de 2015 - corações em furiaSob o comando de David Ayer, Corações de Ferro ganhou impulsão, voracidade e intensidade na condução de sequências tradicionais de embate militar – título que melhor o fez neste ano -, ainda que não as realize de maneira convencional – afinal, trata-se de um “filme de tanque”. Se as características negativas do Cinema de guerra estão lá, como os traços de ufanismo e os estereótipos, as positivas também, a exemplo da retratação crua do período conflituoso e do fato de a relação de união desenvolvida entre as personagens passar a importar bem mais do que a ação em si.

Leonardo Lopes


5- Sicario – Terra de Ninguém

poster sicario destaque Sicario é um drama policial muito bem desenvolvido e que sabe dosar bem seus momentos de grande tensão. Existem sequências capazes de deixar o espectador sem fôlego e com os olhos vidrados para não perder nenhum detalhe. Villeneuve consegue recriar as ações dos militares sem esforço ou ambição de produzir as melhores cenas de ação da temporada. No entanto, mesmo sem tornar esse o foco principal de sua obra, é exatamente o que ele oferece ao seu público. São cenas violentas e tensas, mas que são apenas detalhes de fundo para uma narrativa muito mais desenvolvida e que não precisa usar explosões e miolos como muleta.

Tullio Dias


4- Missão: Impossível- Nação SecretaPoster Missao Impossivel 5

Bastaria a fatídica sequência da ópera para garantir o quinto episódio da franquia Missão: Impossível entre os melhores títulos de ação do ano; no entanto, o trabalho de Christopher McQuarrie possui outras virtudes para o assegurarem nesta lista: o senso de urgência constante, a atmosfera que remete à série clássica, a dinâmica bem estabelecida entre as personagens e as rimas narrativas construídas formam uma produção que, definitivamente, não perde o fôlego.

Leonardo Lopes


3- 71′ – Esquecido em Belfast

Poster 71Sabe aquele tipo de filme que você não dá absolutamente nada e descobre que se trata de uma verdadeira pérola cinematográfica obrigatória para qualquer cinéfilo que se preze? Foi essa a impressão que tive depois de assistir 71′ – Esquecido em Belfast. O longa-metragem dirigido por Yann Demanche conta a história de um jovem e inexperiente soldado britânico que é enviado para Belfast no meio de uma verdadeira guerra dos católicos contra o domínio britânico. Ele é deixado sozinho no meio desse conflito e precisa encontrar maneiras de sobreviver em um território hostil em que não pode confiar em ninguém. Jack O’Connell está incrível como o protagonista dessa obra eletrizante e de deixar o espectador totalmente sem fôlego.

Tullio Dias


2- Kingsman: Serviço Secreto

A certo ponto do longa, Galahad (Colin Firth) e Richmond (Samuel L.Jackson) chegam à conclusão, proferida por Poster Kingsmaneste último, de que “preferimos os filmes de espionagem de antigamente, suas extravagâncias e absurdos”, para posteriormente, o mesmo personagem estabelecer uma antítese, declarando que “este não é um daqueles filmes”.
Dois diálogos que, em oposição, refletem a dinâmica estabelecida por Kingsman, uma produção dotada de todas as “extravagâncias e absurdos” dos clássicos da espionagem, mas também de camadas muito mais profundas e significativas que as destes – fundamentadas no estabelecimento de um discurso ideologicamente progressista, vilanizando e ridicularizando os ideários fascistas e elitistas de “seleção social”; no completar dos atos como se dá, num vigor de forma e conteúdo em plena conexão. Desta forma, ainda contando com uma direção vigorosa de Matthew Vaughn, conferindo notável autenticidade na execução das sequências de ação – destaque para aquela finalizada com o memorável “manners maketh man” -, Kingsman: Serviço Secreto não é apenas uma grande adaptação de quadrinhos com alto grau e intensidade de ação – é muito mais.


1- Mad Max: Estrada da Fúria

Melhores filmes de ação de 2015 - Mad MaxOs primeiros instantes da projeção, realizando a contextualização, extremamente dinâmica, rápida e explosiva, revelam o tom que George Miller viria a tomar durante as duas horas seguintes pelas quais passaríamos apreciando sua obra – o realizador parece ter rejuvenescido durante estes trinta anos que se passaram, realizando em 2015 a legítima e vibrante ópera selvagem da brutalidade, nomeada Mad Max: Estrada da Fúria.

Leonardo Lopes

Ainda não acabou! Continue lendo para ver mais dicas de ação!

Leia também:

Melhores Filmes de Ação de 2014
Melhores Filmes de Ação de 2013
Melhores Filmes de Ação de 2012

Comentários