Cinema por quem entende mais de mesa de bar

Guia de shows no Brasil em 2017 (ou nossos sonhos musicais)

Metallica chegando com material inédito

Assim como o Radiohead, não se trata de algo inédito no meu currículo musical. Assisti ao Metallica pela televisão duzentas vezes e tive a chance de conferir a apresentação no Rock in Rio de 2015. No entanto, o que vi no palco era o mais do mesmo que sempre tocam. A diferença é que desta vez era ao vivo, né? Poderia descartar os caras, mas com o lançamento do disco novo e canções inéditas depois de tantos anos, acredito que o Metallica ao vivo será uma experiência imperdível. (Tullio Dias)

- Advertisement -

Vem tocar no Brasil, Tool! Nunca te pedi nada!

Ninguém falou nada sobre não poder sonhar nessas especulações do Cinema de Buteco… Tive a chance de ver o Maynard James Keenan duas vezes na vida: a primeira no show da A Perfect Circle e depois com o Puscifer. Por mais que minha relação com APC seja mais profunda, não se compara com a ideia de ver o Tool quebrando tudo ao vivo e deixando o pessoal 10graçado da cabeça com seus tempos malucos. (Tullio Dias)

Nunca é demais ver uma banda como o KoRn

Korn consegue manter nos palcos o mesmo peso que ouvimos/sentimos ao ouvir o CD. Em 2008 eu tive a oportunidade de vê-los ao vivo no Palestra Itália, em São Paulo. Na ocasião, a banda estava abrindo o show de Ozzy Osbourne. No setlist, grandes faixas que ilustram lindamente a trajetória dos caras, como “Blind”, Falling Away From Me” e “Here To Stay”. O album mais recente, “The Serenity of Suffering”, mostra que o Korn continua mandando muito bem e têm tudo para fazer uma turnê inesquecível em 2017. (Graciela Paciência)

Já que falamos em repetições, que tal o retorno do Deftones?

O Vinicius Coimbra, vocalista da Riviera, disse que o Deftones no Rock in Rio foi o melhor show da sua vida. Outros amigos em comum disseram a mesma coisa. Tive inveja desses caras porque eu simplesmente não senti essa vibe, mesmo ficando na grade com os olhos vidrados em cada detalhe. Talvez seja o caso de ter um tira-teima para descobrir se o problema é comigo. Que tal, Chino? Tem o Maximus confirmando Rise Against e Linkin Park… vai que cola? (Tullio Dias)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.