Cinema por quem entende mais de mesa de bar

Review: Fargo s02e04 – “Fear and Trembling”

Review Fargo %22Fear and Trembling%22

Fargo é como um bom prato de vingança que é saboreado aos poucos. Numa semana eles nos fazem delirar de tensão e nas outras dão apenas migalhas para que nós possamos nos preparar psicologicamente para o que poderá (ou não) acontecer na semana seguinte. Incrível como mesmo sem ter episódios arrepiantes, a série se garante como a melhor opção de entretenimento inteligente na televisão.

A família Gerdhart tenta fazer uma contra-proposta para Joe Bulo e iniciar uma parceria, que é rejeitada veementemente. Ao mesmo tempo, Hanzee descobre a verdade sobre o sumiço de Rye e Lou alerta Ed e Betsy: “vocês mexeram com uma família perigosa e devem procurar ajuda”.

- Advertisement -

Tivemos alguns pontos altos ao longo do episódio, como a bem sucedida investigação de Hanzee para chegar até a casa de Betsy e Ed. Sem dificuldade nenhuma, o cara conectou cada pista que tinha para descobrir a verdadeira causa da morte do filho caçula dos Gerdhart.

Outro ponto importante do episódio foi a violenta mensagem da máfia do Kansas: depois que a filha de Dodd (que está fodendo com Milligan) deixa escapar que o avô tinha uma consulta médica em X hospital, um grupo de matadores faz uma emboscada e deixa apenas o velho Gerdhart vivo. A articulação do ataque e toda antecipação do suspense foi extremamente bem construída. Os produtores não subestimaram a inteligência do telespectador e conseguiram nos surpreender com o desenvolvimento de toda a sequência.

No entanto, quem dá show nesse episódio é Jean Smart, mais uma vez. Ao se posicionar frente a frente contra Bulo, a matriarca da família Gerdhart se coloca na linha de fogo como uma mulher forte e destemida para defender os seus interesses.

Comentários