Cinema por quem entende mais de mesa de bar

Review: The Flash s02e07 – “Gorilla Warfare”

Grodd retorna e se mostra o quão grande é. Nos dois sentidos: no tamanho e em sua presença no episódio.

Se você ainda não assistiu ao episódio, não leia. Vamos ter spoilers…

Gorilla Warfare Flash

Depois da surra que Flash levou de Zoom, no último episódio, eu até entendo que este ficaria mais calmo, caminhando aos poucos, como a recuperação de Barry (Hahahahah)!

- Advertisement -

O que mais me chamou a atenção foi que ao invés de inserirem os vilões semanais (aqueles que tanto xingo), um antigo vilão retornou: o Gorila Grodd.

Desde que Grodd apareceu, na primeira temporada, eu achei o personagem poderia ser melhor trabalhado. E está sendo, thanks God! Assim como  Zoom, é um dos vilões mais legais que apareceram na série até então.

O vilão retornou para entender sua origem, roubando, com ajuda de cientistas, equipamentos para poder criar mais de sua espécie. Ele vai até Caitlin, através de sua telepatia e a captura. Para que ela consiga fazer o que ele tanto almeja.

Neste episódio, Dr. Wells decide ficar na Terra-01 para auxiliar Barry e sua equipe. O cientista rouba a cena e é, ao lado do gorila, o centro do capítulo. Vimos um Wells cheio de compaixão pelo “Team Flash”. Além disso, um personagem que retornou foi o Dr. Allen, o pai de Barry, para dar “aquela forcinha” para o filhão, já que está com problemas de autoestima.

Junto com a trama de Grodd, “Gorilla Warfare” inseriu mais elementos da mulher-gavião, Kendra Saunders, e, no final, o envolvente romance entre Patty e Barry.

O episódio funciona muito bem. Me prendi na narrativa, na história de Grodd, em Cisco e Kendra, menos no problema de autoestima de Barry. Acho que tenho certa apatia pelo personagem… ele não me convence com esse draminha básico, sabe?