Cinema por quem entende mais de mesa de bar

Review: Stranger Things s02e05 – “Dig Dug”

A assinatura de Andrew Stanton na direção desse episódio é um dos principais trunfos dessa segunda temporada de Stranger Things. O diretor de Procurando Nemo e Wall-e dá um grande show e faz de Stranger Things s02e05, ou “Dig Dug”, um dos meus episódios favoritos.

Depois de conseguirem gravar o cientista falando sobre a morte de Barb, Nancy e Jonathan vão atrás do sujeito excêntrico cheio das teorias da conspiração. Os três começam um debate para encontrar a melhor forma de tornar a informação pública sem correrem riscos de serem tratados como loucos.

Gosto da analogia usando a Vodka mais diluída para encontrar a melhor maneira de contar a história desvendada por Nancy e Jonathan. Muitas vezes ouvimos verdades tão absurdas que é necessário diminuir a realidade para torná-la mais fácil de outras pessoas acreditarem.

- Advertisement -

De qualquer maneira, a grande contribuição desse lunático das conspirações é dar uma surra moral no casal e deixá-los vulneráveis após serem obrigados a confrontar a verdade sobre a relação que eles tem insistido tanto para fingir que não existe. Stranger Things foca muito nas relações de amizades e deixa seu lado romântico de lado. Ver uma cena em que um jovem casal precisa superar sua timidez para fazer dar certo valeu muuuuito a pena. Obrigado, senhor Stanton!

Aliás, falando da qualidade do diretor, que tal a breve sequência em que Will está num sono agitado e nos dá a impressão de que está prestes a abrir os olhos, mas a sequência é encerrada e logo temos uma cena em que um pão pula de dentro da frigideira? Will não precisou abrir os olhos para que o telespectador entendesse a mensagem.

O episódio mostra os talentos artísticos de Will sendo utilizados para criar um mapa. Daí temos uma grande homenagem a Goonies quando Bob pergunta se o X leva a um tesouro. Para quem não se recorda, Sean Austin está no elenco desse clássico do cinema. Graças a participação de Bob, Joyce, Will e Mike conseguem descobrir o paradeiro de Hopper e salvam a sua vida.

Um dos meus momentos favoritos está na cena em que Lucas conversar com seu pai e pergunta como ele faz para agradar a sua mãe. O pai simplesmente diz que faz tudo para agradá-la e reforça que as mulheres nunca estão erradas. Daí Lucas opta por conta toda a verdade para Max, o que pode não ser visto como algo muito positivo pelos amigos…

No entanto, mesmo com tantos pontos positivos, nada supera Dustin usando uniforme de jogador de beisebol para tentar capturar a versão gigantesca de Bart. Seu plano “brilhante” de arrastar o bicho para o seu porão custa a funcionar e ele é obrigado a pedir ajuda para Steven, depois que não consegue se comunicar com os amigos.

review stranger things s02e05 - dig dug

Comentários