Cinema por quem entende mais de mesa de bar
Navegação na tag

Gus Van Sant

Inquietos

APESAR DE 2012 SER O ANO do fim do mundo, 2011 foi um ano repleto de filmes sobre a vida e a morte. Tivemos Melancolia, A Árvore da Vida, A Pele Que Habito e agora Inquietos. Cada um deles fala da vida e da morte de uma forma diferente:…

Psicose (1998)

Em 1998 o diretor Gus Van Sant fez um dos remakes mais polêmicos dos últimos tempos. Por que diabos alguém poderia considerar a ideia de refilmar uma obra do mestre Alfred Hitchcock? É quase um crime. É semelhante ao KLB querendo fazer…

Festival do Rio 2011

E mais uma vez, cá estamos nós, ala carioca do buteco, cobrindo esse evento que deveria ter no mínimo 1 mês de duração! Começou nessa última 5a-feira o Festival do Rio! Como carro chefe, nada mais nada menos que A Pele que Habito, tão…

Garotos de Programa

O diretor Gus Van Sant recorre em suas obras a sensibilidade como forma de explorar as essências da humanidade. Seus filmes costumam ser representações da juventude em ebulição sexual - através de seus personagens, há a urgência em…

Ultimos Dias

Gus Van Sant é um dos diretores que mais apareceram aqui no Cinema de Buteco e era algo impossível de se imaginar que o mês do rock passaria em branco sem a homenagem que o diretor fez para um dos maiores nomes da música mundial. O João que…

Milk – A Voz da Igualdade

"Meu nome é Harvey Milk e eu estou aqui para recrutá-los!"Era dessa maneira que Harvey Bernard Milk começava seus discursos em São Francisco, década de 70. Época em que homossexuais, hippies e prostitutas eram as chagas do mundo; repelidos,…

Um Sonho Sem Limites

Gus Van Sant é um dos maiores nomes do cinema atual, embora nunca tenha recebido o devido reconhecimento da Academia. Foram duas indicações ao Oscar (por Gênio Indomável e Milk) e nenhuma vez levou a estatueta de melhor diretor para casa.…