Previsão do Oscar 2017 – parte II, por Daniela Pacheco

Sim, esse tipo de post sempre gera controvérsias, mas é uma questão de opinião no fim das contas. Pelo menos a parte de quem deveria ganhar, já que os futuros vencedores já estão bem encaminhados no momento, podendo ter uma ou outra grande surpresa na cerimônia deste domingo.

Confira, a seguir, as minhas escolhas para o Oscar 2017, caso eu pudesse escolher os ganhadores das principais categorias da noite!

Melhor Filme


Quem deveria ganhar: A Chegada. Esse filme me dá arrepios até hoje, especialmente com aquele final à la Christopher Nolan. A reflexão que ele propõe sobre nosso mundo é significativa e merece reconhecimento.
Quem vai ganhar: La La Land. Lidera as listas da crítica, tem o Globo de Ouro, BAFTA e PGA.

Melhor Diretor

Quem deveria ganhar: Damien Chazelle, La La Land. Ele esteve melhor em Whiplash, mas seu trabalho continua impecável aqui.
Quem vai ganhar: Damien Chazelle, La La Land. Ele já ganhou praticamente tudo, incluindo DGA. Se ele perder será uma das maiores zebras da história do Oscar.

Melhor Atriz

Quem deveria ganhar: Isabelle Huppert, Elle. Vamos ser honestos: sem ela, o que seria de Elle? Ela nos fez torcer por ela, mesmo com uma personagem tellement bizarre!
Quem vai ganhar: Emma Stone, La La Land. A Natalie Portman pode ter mais prêmios das associações de críticos e o Critics’ Choice, mas Emma tem o Globo de Ouro, BAFTA e, especialmente, o SAG. Nos últimos anos, o Sindicato errou somente uma vez na escolha da futura premiada (Viola Davis, em 2012; Meryl Streep venceu o Oscar posteriormente).

Melhor Ator

Quem deveria ganhar: Viggo Mortensen, Capitão Fantástico. Desculpa o trocadilho, mas ele está fantástico no filme, trazendo bastante carisma e nuance ao seu personagem.
Quem vai ganhar: Casey Affleck, Manchester à Beira-Mar. Admito que a briga dele e Denzel Washington vai ser intensa e somente saberemos o vencedor no último segundo, mas Affleck tem muito mais prêmios a seu favor e a performance mais aclamada do ano, em um dos filmes mais aclamados do ano. Voto nele, mesmo sabendo que podemos ter um caso Russel Crowe versão 2017 por aqui.

Melhor Atriz Coadjuvante


Quem deveria ganhar: Naomie Harris, Moonlight. Adoro a Viola, mas ela foi fraudada em coadjuvante para vencer (sua candidatura inicialmente era como atriz principal). Se não tivesse sido, Harris provavelmente ganharia a estatueta porque ela está fenomenal em Moonlight e era a mais cotada antes da fraude.
Quem vai ganhar: Viola Davis, Fences. Acho que ninguém mais tem dúvidas disso, sinceramente.

Melhor Ator Coadjuvante
Quem deveria ganhar: tanto faz, todos estão igualmente bons a meu ver.
Quem vai ganhar: Mahershala Ali, Moonlight. Tem a crítica e a temporada de premiações a seu favor.

Melhor Roteiro Original

Quem deveria ganhar: O Lagosta. Voto pela originalidade mesmo, tenho uma queda por histórias fora do comum.
Quem vai ganhar: Manchester à Beira-Mar. Vai ser uma disputa forte com La La Land, mas o roteiro de Damien Chazelle não é tão amado assim e o roteiro de Manchester é um de seus maiores destaques, junto de Affleck.

Melhor Roteiro Adaptado


Quem deveria ganhar: A Chegada. Adaptação brilhante de “Story of Your Life”, muito bem transferida para o cinema.
Quem vai ganhar: Moonlight. Há controvérsias sobre ser um roteiro original ou adaptado (a Academia o considera adaptação de uma peça que nunca foi produzida), mas foi um filme ainda mais aclamado que A Chegada e tem uma histórias mais, digamos, Oscar bait.

 

Daniela Pacheco

Fascinada por cinema desde pequena. Ídolos? River Phoenix, Audrey Hepburn, Wagner Moura e Marion Cotillard.