Cinema por quem entende mais de mesa de bar

Vídeo mostra as diferenças entre as duas adaptações de Millennium

Nosso olhar cinéfilo muitas vezes já recrimina Hollywood por cada remake anunciado, especialmente quando o original é tão bom, como no caso de Os Homens Que Não Amavam as Mulheres. A sorte da releitura norte-americana é que David Fincher assumiu a direção e Rooney Mara é uma Lisbeth mais explosiva e impulsiva que Noomi Rapace.

O vídeo acima apresenta diversas diferenças em relação aos dois filmes e compara como cada cineasta usou seu estilo para levar para as telas o que está no livro de Stieg Larsson.

- Advertisement -

LEIA TAMBÉM:
Veja um vídeo especial que mostra todas as cenas duplicadas de Garota Exemplar

Lançado em 2009, a adaptação sueca é dirigida por Niels Arden Oplev e ganhou fama justamente pela atuação incrível de Noomi Rapace, até então uma desconhecida da indústria do cinema. Não demorou muito até que em 2011, David Fincher dirigisse Daniel Craig e Rooney Mara numa nova adaptação, que é tão boa quanto a original, mas que consegue se destacar mais justamente pela qualidade do diretor em usar todos os recursos ao seu favor.

Qual é a sua versão favorita?