Vídeos: A arte do storytelling no UFC 200 | Cinema de Buteco
Vídeos

Vídeos: A arte do storytelling no UFC 200

Você não precisa apreciar lutas marciais para se envolver com uma boa história. No próximo sábado, 9 de julho, teremos um evento histórico envolvendo alguns dos principais campeões do UFC. Completando 200 edições, a produção preparou 12 lutas com três disputas de cinturão, incluindo o aguardado confronto entre Daniel Cormier e Jon Jones.

O vídeo acima é um documentário de 44 minutos apresentando os protagonistas dessa noite especial e tentando envolver o público com as motivações de cada lutador. É impressionante a maneira cinematográfica com que colocam Jon Jones em cena: ele é o campeão mais jovem do UFC e sua carreira sofreu um baque no ano passado, depois do seu problema com drogas causar um acidente de trânsito e ele perder patrocinadores e até o emprego. Essa luta é a chance de redenção de Jones, que tentará recuperar o cinturão dos meio-pesados. Já o adversário, Cormier, é colocado como o cara inconveniente que está ocupando um lugar que não é seu. Podemos dizer até que ele se torna o grande vilão da luta. E isso é um tanto injusto, afinal não foi ele quem se meteu em problemas com a justiça…

Como telespectadores, o impacto acontece pela maneira em que o documentário é narrado. Ao invés de simplesmente apresentar os lutadores, suas realizações, estratégias e treino, o ponto de vista é pessoal. Humaniza os lutadores e cria uma história cheia de curvas para conquistar nossa atenção e tratar o UFC 200 como muito mais que apenas uma luta-livre: mas como o evento da vida de dois homens. Nós adoramos heróis com falhas de caráter e que buscam se recuperar da queda. Jon Jones é exatamente o tipo de personagem que o público adora, enquanto Cormier tem a infelicidade de ser a pedra no meio do caminho de uma das maiores lendas do UFC.

Até quem não gosta de assistir às lutas fica impressionado e curioso de descobrir quem será o grande vencedor do confronto. Pra quem você vai torcer?

UFC 200
9 de julho
T-Mobile Arena, em Las Vegas

Card principal
Daniel Cormier x Jon Jones – pelo cinturão dos meio-pesados
Brock Lesnar x Mark Hunt
Miesha Tate x Amanda Nunes – pelo cinturão peso galo
José Aldo x Frankie Edgar – pelo cinturão interino peso pena
Cain Velasquez x Travis Browne

Card preliminar
Cat Zingano x Julianna Peña
Johny Hendricks x Kelvin Gastelum
TJ Dillashaw x Raphael Assunção
Sage Northcutt x Enrique Marin
Joe Lauzon x Diego Sanchez
Gegard Mousasi x Thiago Marreta
Jim Miller x Takanori Gomi

Redação do Buteco

Cinema por quem entende mais de mesa de bar.